Quinta-feira, 15 de Fevereiro de 2007

HOSPITAL DE CHAVES

.

Há dias atrás neste mesmo blog e no post “Hospital de Chaves, era uma vez…” http://chaves.blogs.sapo.pt/148812.html eu dava a conhecer o Relatório Final da Proposta da Rede de Urgências, elaborada pela Comissão Técnica de Apoio ao Processo de Requalificação das Urgências, no qual se propõe a desqualificação da urgência do Hospital de Chaves. Se por um lado a Câmara Municipal e os partidos políticos reagiram de imediato, embora individualmente, a população só com o passar dos dias tem vindo a tomar conta ou a aperceber-se da situação e do significado real da mesma proposta.

 

No passado dia 8 a Câmara Municipal, a Assembleia Municipal, Juntas de Freguesia, Instituições e Serviços, Colectividades, Associações, Sindicatos e outras forças vivas de âmbito concelhio e regional reuniram e elaboraram um documento, que já foi enviado ao Ministro da Saúde onde, repudiam de forma categórica a proposta de desqualificação da urgência do Hospital, defendendo e propondo ao Governo a manutenção e reforço do serviço de urgência médico-cirúrgica no Hospital de Chaves.

 

Ao que consegui apurar, da mesma reunião foi saiu uma comissão proposta de entre os presentes, para fazer chegar a moção ao Ministro da Saúde e ao Governo, além de delinear outras formas de luta ou protesto contra a desqualificação das urgências do Hospital de Chaves.

 

Soube hoje pela edição on-line do Jornal de Notícias, num artigo assinado por Margarida Luzio.

http://jn.sapo.pt/2007/02/15/norte/121_instituicoes_lutam_pela_urgencia.html

 

que essa mesma comissão ou movimento “além de ter enviado ao primeiro ministro, José Sócrates, e ao Presidente da República, Cavaco Silva, entre outros responsáveis políticos do país, um documento onde “repudiam de forma categórica a proposta de desqualificação da urgência do hospital, tem também agendada uma mega-concentração (ao que consta para o Largo das Freiras – ainda a confirmar) e que deverá acontecer na próxima quarta-feira, dia 21, entre as 10 e as 13 horas.

 

                   

Agora sim, cabe-nos a todos passar a palavra e quarta-feira estar presentes (nas Freiras!?) e aí todos, da tal forma categórica, repudiar a proposta de desqualificação das urgências e de todos dizermos que temos deveres (sim senhor) mas também temos direitos. É tempo de dizer: estamos fartos que nos roubem, Basta Já!

 

´
publicado por Fer.Ribeiro às 13:00
link do post | comentar | favorito
|  O que é?
16 comentários:
De Tupamaro a 15 de Fevereiro de 2007 às 13:25
Bom Trabalho, Fer.Ribeiro!
Louvo, também, a iniciativa de Toda essa Gente!
Já é mais que tempo de os «bonifrates» "saberem" quem são os Transmontanos "retintos".
Viva CHAVES! Viva Trás-os-Montes!
E um "Muito Bem!" ao Fer.Ribeiro!
Tupamaro



De qb a 15 de Fevereiro de 2007 às 15:03
É simplesmente revoltante.
Oxalá que essa Comissão saiba defender os superiores interesses da nossa terra.
Já agora aproveito para lançar o seguinte repto:
Se com as novas vias é rápido chegar a Vila Real, a distância é igual para os dois sentidos, convidem os vilarealenses a vir ás urgências a Chaves, pois Régua e Lamego vão entupir o Hospital de Vila Real.


De Anónimo a 15 de Fevereiro de 2007 às 15:13
Fico mto contente ao ver que o nosso povo tem consciencia dos seus direitos e vai fazer-se valer deles! Infelizmente dia 20 embarco para Madrid, não poderei estar presente, mas junto a minha voz à vossa voz! Fernando, mesmo longe seguirei atento ao seu blog, esta é a janela sempre aberta para Chaves para aqueles que estão longe como eu! Força! Lutem... Basta!


De Afonso Cunha a 15 de Fevereiro de 2007 às 16:01
Embora longe, queria manifestar a minha solidariedade com os Flavienses na Manif das Freiras.
Espero não só que o Sr. Ministro reconsidere quanto ao encerramento da urgência , mas também, que melhore significativamente os serviços hospitalares, pois de quando em vez , surgem à estampa nos Midia nacionais, notícias de bradar aos Céus.
Na actual conjuntura, por a fronteira no Vidago e só aceitar Pesetas no comércio local, já não faz muito sentido, no entanto, estou convencido que as gentes de Chaves vão encontrar outra forma brilhante para demonstrar a sua revolta.


De Sexto Sentido a 15 de Fevereiro de 2007 às 18:02
Todos às Freiras!!
Mas a comissão que saiu da reunião do dia 8, deve também começar já a preparar a oposição à saída do T R I B U N A L de Chaves para Vila Real, tais como irão fechar Vila Pouca, Boticas, Montalegre, Ribeira de Pena, pois está a ser preparado um "estudo" ou "comissão" na área da Justiça para avaliar o funcionamento dos Tribunais como foi para os Hospitais a nível nacional !!!!
Atenção antes que seja tarde.....
Em Chaves ficará apenas uma unidade de "apoio" !!!!
Lá os de Lisboa vão deixar arrefecer os ânimos relativos a esta polémica e depois ....é facto consumado, como vai ser a MATERNIDADE, NÓ DA ZONA INDUSTRIAL DA AUTO-ESTRADA, E POSSIVELMENTE A DESQUALIFICAÇÃO DAS URGÊNCIAS, e o que a seguir virá é só aguardar....

AÍ temos a REGIONALIZAÇÃO........SÓ QUE, NA REGIÃO DE VILA REAL !!!!

FRONTEIRA NA SAMARDÃ .....JÁ !


De Célia Gomes a 15 de Fevereiro de 2007 às 20:38
Sr. Fernando Ribeiro, venho a seguir seu blog e gosto muito! Pois fala de lugares que sempre ouvi desde a mais tenra idade! Ainda estou a espera da visita a Vilela do Tâmega! Terra dos meus desde a muitas gerações, assim como Vantuzelos ! Só que hoje escrevo-vos para dar minha total solidariedade no movimento pela defesa das gentes dalém do Marão e em especial de Chaves! Proponho também a todos os transmontanos, daqui e dalém fronteiras, uma PETIÇÃO PÚBLICA com umas centenas de milhares de assinaturas! Todos em qualquer parte do mundo! E conte desde já com minha assinatura! E dos meus! Que essa petição seja endereçada a todos os poderes dessa república! Não sei se alguma vez abriu o mail 10downingstreet . Abra pois eles tem uma secção chamada e-petitions , e só como exemplo. hoje há uma com 1.488.509 signatures ! e só irá fechar a 20 de Fevereiro! De que adianta falar tanto das conquistas da democracia! Se não há esperança de novas gerações; sem desenvolvimento continuado; se hoje somos mais pobres que alguma vez fomos! Fabricamos milhares de diplomados de aviário. Temos uns políticos profissionais também de aviário, arrogantes, petulantes como se a verdade fosse um dogma próprio. Que valor de democracia é essa onde onde o bem colectivo é sacrificado em favor de uns poucos, os filhos dos partidos!
Sr. F. Ribeiro, eu vivi 2/3 da minha vida emigrada, mas meus Pais deram- me como herança um amor e um orgulho enorme do ser Português e Transmontano - Flaviense! A força de um povo remove os obstáculos por maiores que sejam! < Que haja uma nova Restauração , a do orgulho de Ser Português! Saudações transmontanas!


De Tupamaro a 15 de Fevereiro de 2007 às 21:41
Muito Bem, D. Célia Gomes!
Para além do conteúdo do seu comentário, apraz-me ver «aparecerem» mulheres na intervenção cívica, e outras.
Estou certo de que o seu apoio deu alento a muita gente.
Boa sorte, para si!
Tupamaro


De Júlio Alves a 15 de Fevereiro de 2007 às 21:19
É pena que essa mobilização esteja a ser instrumentalizada pelo Presidente da Câmara que quer lavar a cara do sono mortal que o caracterizou neste processo. Nessa fantochada de ilusionismo político que, os desesperados camarários empreendem como última tentativa de lavar a cara, a mentira esteve presente.

A Assembleia Municipal não fez parte desse evento porque ninguém foi convocado e, a Câmara municipal só era a do João Batista prepotente pois, não informou nem convocou os vereadores da oposição. Esses sim, actuaram desde o início, mas agora o Dr. Batista ficou agoniado por não ter sido ele a dar o pontapé de arranque e desata a esbracejar.
Embora tarde, não acredito na sinceridade do manobreiro Dr. Batista. Dormiu demais. Agora quer é dividir as culpas com os flaviense. Eu bem o entendo. Juntando todas as instituições à luta, a derrota, certa e sabida face ao adiantado da coisa, será imputada a todos os parvos que agora lhe vão guardar as costa numa manifestação de exaltação ao “fervor revolucionário” do Dr. Batista. A primeira perda para a cidade não será certamente o hospital, mas sim a verdade. Essa perdeu-se desde que o Presidente da câmara se entregou do poder. Eu não sou parvo!


De nené bicha a 15 de Fevereiro de 2007 às 23:58
A merda desta democracia é nisto que dá. Já temos heróis a reinvindicar, antes de darem um pum!!! Que me importa a mim que seja João, Alexandre, ou o que fôr? Eu quero ver é quem tem tomates para se juntar, vermelho com laranja, rosa com cor de burro a fugir...Este é o nosso CHAPAPOTE. Venha daí o ministro EPATÍTERE C.C. Até o comemos!!!!!!!


De R.Bosques a 17 de Fevereiro de 2007 às 12:51
Sr. Júlio Alves:
Antes de dizer tanta asneira, deveria ter o cuidado de se informar. Não lhe ensinaram que é muito feio mentir. Seja verdadeiro , seja honesto, deixe -se de facciosismo e defenda o hospital. Mesmo se têm muito dinheiro também precisa dele como aqueles que o não têm.
Até qurta-feira dia 21


De Ana Botelho a 16 de Fevereiro de 2007 às 02:16
Já sei que o Sr. Júlio Alves não é parvo, mas mesmo não o sendo, é mais parvo e presumido do que aquilo que pensa e aparenta. Teve a coragem de assinar o comentário com o seu nome, mas não teve a coragem de dizer que é um dos actuais responsáveis pelo Partido Socialista de Chaves, como não teve a coragem de dizer afinal de contas o que é que o Partido Socialista tem feito para se manter cá a Urgência do Hospital, e defender esta causa. Não teve a coragem de o dizer, porque o Partido Socialista ainda não fez nada e nada disse sobre o assunto, além de três ou quatro gatos pingados dizerem que se demitem dos seus cargos políticos, que se calha até lhes dá jeito. Não sejamos hipócritas e contem a verdade toda, não se fiquem pelas meias verdades. O que aconteceu na reunião de Câmara convocada exclusivamente para debater o assunto onde estavam três vereadores socialistas? Qual foi aí a posição do Partido Socialista? Porque é que os gatos pingados do PS Chaves foram logo a correr para a porta do Hospital a dizer que se demitiam? Qual é a verdadeira posição do Partido Socialista? Porque é que João Batista não convocou os socialistas para a tal reunião, não seria por acaso porque o Partido Socialista disse que a sua posição sobre o assunto já estava tomada? Se tal assim foi, para que os convocar!? Aqui João Batista está a liderar a corrida, a marcar pontos epela certa que vai acusar o Partido Socialista de nada ter feito. Aliás, não fosse ele o Presidente da Câmara, compete-lhe liderar esta luta, e aqui não interessa o partido que lidera.

Sempre o soube, desde o início, que as posições do Presidente da Câmara seriam para manter as urgências em Chaves e que daí também tenciona vir a tirar os seus dividendos políticos, afinal é ele que está no poder, tal como sempre soube que isso incomoda o Partido Socialista que também quer tirar os seus dividendos políticos de toda esta polémica, a luta pelo poder assim o deve recomendar, suponho, mas meus senhores, políticos e partidos políticos, o que está em causa são as Urgências do nosso Hospital que nos interessam a todos e às quais todo o povo flaviense deve ter o direito que sempre teve até aqui. Metam isto nas vossas cabeças de políticos de província, o que interessa são mesmo as URGÊNCIAS do Hospital e não os dividendos políticos que cada um irá tirar daí. O que o povo quer mesmo são as urgências e estão-se a marimbar para que seja o João Batista ou o Júlio ou o António.

Gostaria de acreditar que todos estamos unidos nesta luta pelas urgências e nesta luta por interesses flavienses, despidos da respectiva cor e camisola política, incluindo o PS, o PCP, o CDS e o PSD, não me façam acreditar que a vossa luta é apenas pelo poder. Estamos em tempo de convergir e de todos nos unirmos na luta pelas urgências, e não entramos em divergências e lutas provincianas pelo poder.

O que nós queremos são mesmo as URGÊNCIAS no HOSPITAL de CHAVES. Presidentes e políticos, quando um se for, aparecem logo três ou quatro para lhe surripiar o lugar.

Meu caro Júlio Alves, quando se assina com o nome e se têm responsabilidades políticas e partidárias, deve-se ter tento na língua, não vá o tiro sair-lhe pela culatra.

Eu, despida de preconceitos e de interesses políticos vou às Freiras para lutar pelas Urgências do nosso Hospital e só para que conste, manterei a minha dignidade de independente e apartidária, mas a esta luta eu vou, tal como irei votar nas próximas eleições incluída com toda a honra no eleitorado flutuante, afinal aquele que decide nas eleições. Pensem nisto, senhores políticos.

Uma palavra de apreço ao Fer.Ribeiro por permitir a todos nós este espaço de debate e de elevação do ser Flaviense ao qual apresento também as minhas desculpas por abusar assim deste carinhoso espaço que é o seu blogue que desde há muito visito. Um bem haja para sí e obrigado.

Ana Mª P. Botelho


De Rogério Coelho a 16 de Fevereiro de 2007 às 02:37
Na minha modesta opinião, penso que todos deveremos dar a cara pela cidade e pelo nosso bem estar, que é merecido de igual forma como têm as populações da capital, porém após este apoio que espero que seja dado em força na próxima 4ª feira, se o resultado for o que toda a gente teme, aí sim penso que os políticos locais deveriam tirar conclusões do que conseguíram e têm capacidade de fazer pela região, num ponto tão básico que é o zelar pela saúde das suas populações.
Veremos as reacções após a dita concentração, espero ver da parte de quem nos representa, uma atitude que honre os compromissos que assumem quando aceitam os cargos para os quais são eleitos. Agora temos de apoiar... consoante os resultados terão eles de ouvir a sua consciência do que fizeram até ao momento.....

tenho dito.........

Rogério Coelho


De Afonso Cunha a 16 de Fevereiro de 2007 às 11:54
"Temos uns políticos profissionais também de aviário, arrogantes, petulantes como se a verdade fosse um dogma próprio. Que valor de democracia é essa onde onde o bem colectivo é sacrificado em favor de uns poucos, os filhos dos partidos! "

Sábias palavras Dª Célia Gomes. Os filhos dos partidos, já andam por aqui a mostrar serviço.


Comentar post

.Fotos Fer.Ribeiro - Flickr

frproart's most interesting photos on Flickriver

.meu mail: blogchavesolhares@gmail.com

.Dezembro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


.pesquisar

 
ouvir-radioClique no rádio para sintonizar

 

 

El Tiempo en Chaves

.Facebook

Fernando Ribeiro

Cria o teu cartão de visita Instagram

.subscrever feeds

.favorito

. Solar da família Montalvã...

.posts recentes

. Chaves, cidade, concelho ...

. Chaves, cidade, concelho ...

. Nós, os homens

. ...

. SINCELOS - ESTÓRIAS DE CH...

. Quem conta um ponto...

. O Barroso aqui tão perto ...

. Fornelos - Chaves - Portu...

. Chaves, cidade, concelho ...

. Vivências

. Chaves, cidade, concelho ...

. Chaves, cidade, concelho ...

. Nós, os homens

. Chaves D'Aurora

. Fernandinho - Chaves - Po...

blogs SAPO

.Blog Chaves no Facebook

.Veja aqui o:

capa-livro-p-blog blog-logo

.Olhares de sempre

.links

.tags

. todas as tags

.arquivos

. Dezembro 2017

. Novembro 2017

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

Add to Technorati Favorites