12 anos
Sexta-feira, 23 de Fevereiro de 2007

E tudo começou aqui...

.

Aqui, em frente a este edifício, durante mais de 60 anos, chegavam e partiam diariamente comboios, mas, em finais de 1989 os de Lisboa ditaram que a Linha do Corgo deveria ser encerrada e nunca mais houve comboios em Chaves. Já então era mais fácil encerrar que requalificar ou melhor, já então (como sempre) em Lisboa mandava-se e por cá acatava-se, sem direito a mas, nem meios mas. Infelizmente nem sequer houve a visão de turisticamente aproveitar o velho Texas numa ligação inter-termal pelo menos entre Chaves e Vidago que bem poderia prolongar-se até Pedras Salgadas e Vila Pouca de Aguiar. Só quem não viajou no velho Texas é que não sabe o que se perdeu em termos turísticos.

 

O comboio, nas minhas recordações, foi o primeiro roubo que fizeram à cidade de Chaves. A partir de aí, aos poucos, vão-nos roubando e cada vez mais, desprezados, condenando-nos à nossa interioridade e outros ostracismos, e ainda por cima somos gozados quando os de Lisboa dizem que nos levam as coisas para combater assimetrias.

 

Todos nós durante anos sonhamos com a IP3 que até passou a Auto-Estrada. Aplaudimos de pé o presente envenenado. Pensávamos, porque está no nosso ser de flavienses, como gente de bem, acreditar, que a Auto Estrada nos iria trazer coisas e nunca ninguém imaginou que o que serve para trazer, também serve para levar e aos poucos, vão-nos levando e chupando o pouco que temos.

 

Embora à primeira vista pareça haver certas contradições nos ganhos e nas perdas, eles, todos, estão aí para nos chuparem até ao tutano num convite constante à partida.

 

Vejamos então as contradições. A população aparentemente cresceu (segundo os últimos Censos) e embora a população cresça, vão-nos roubando o pouco que íamos tendo, e cada vez mais se pensa em centralizar organismos, ensino, saúde, justiça, segurança e por aí fora, um convite constante a criar (como diz a da novela dos putos) hiper-megas centros populacionais e deixar o resto de “poulo”, para paisagem e está incrivelmente tudo concertado. Vão-nos levando primeiro os organismos e instituições enquanto que os chupa-dinheiro, como bancos, grandes e médias superfícies encontraram em Chaves o paraíso para nos roubarem também as nossas economias.

 

Se o rumo das coisas não mudam, infelizmente lá terei que dar razão aos que dizem que querem transformar o nosso território numa coutada de caça e os que teimosamente ficarem, vão ser apontados e identificados como indígenas transmontanos, uma espécie em vias de extinção. Mas o que mais custa, mas que custa mesmo, é que os de Lisboa, não passam de arrogantes filhos mal paridos que renegam as origens provincianas e que facilmente esqueceram o engaço que os criou e lhes deu de comer e os estudou para hoje serem doutores e engenheiros que lá de cima do seu pedestal vomitam arrogâncias para os seus e para o seu passado e que Deus não os perdoe porque eles sabem bem o que estão a fazer… ou seja, estão-se a _______________________ para nós -(deixo-vos, no espaço em branco, com a liberdade de escolherem o termo a aplicar).

 

Pois eu pela minha parte, ainda para mais com o fecho da maternidade, já começo a ser e a pertencer a uma espécie rara em vias de extinção e que dá pelo nome de FLAVIENSE.

 

Por isso, meus caros, só temos duas soluções: -calamos, consentimos e deixamos morrer a espécie ou então, lutamos com todas as armas que temos e dignificamos o ser FLAVIENSE e os milhares de anos da sua história.

 

Eu, estou em luta, lutando e honrando a terra que me viu nascer, crescer e que me há-de comer e hoje já nem luto por mim, mas pela felicidade da terra dos meus filhos, onde gostaria também de ver nascer os meus netos, provincianos (talvez) mas flavienses com direitos e com qualidade de vida.

 

É tempo de dizer BASTA! Não é só deveres e obrigação, também temos como todos, democraticamente e em pé de igualdade, direitos, pelo menos os direitos básicos e constitucionais como direito ao pão, à habitação, à educação, à saúde e sobretudo à liberdade, que também passa por podermos escolher a terra onde viver, sem assimetrias, como os de Lisboa tanto apregoam e pouco praticam.

 

Eu, como Flaviense, estou em luta.

 

Até amanhã, em Chaves e a lutar por Chaves.

 

´
publicado por Fer.Ribeiro às 02:14
link do post | comentar | favorito
|  O que é?
15 comentários:
De Tupamaro a 23 de Fevereiro de 2007 às 09:00

Flavienses, “Alto-tamacanos”, Transmontanos

Vós não estais mesmo bons da cabeça!
Então vós quereis auto-estradas, vias rápidas, Pólos Universitários, Jardins Infantis, Aquecimento nas Escolas, Pavilhões Gimnodesportivos, Clubes de Futebol na Divisão de Honra, Quartéis de Militares, GNR, Polícias; Hospital Regional, Comarcas Judiciais, aeroportos e heliportos, Caminhos de Ferro, Rede de Água e Saneamento???
Vós estais mesmo apanhados do capacete!
-As Auto-estradas e vias rápidas só servirão para mais depressa vos sangrarem: aí pouco ou nada levam, e daí tiram tudo quanto podem.
-Os Pólos universitários criariam campos magnéticos e magnânimos que perturbariam as redes neuronais dos cavaleiros de S.Bento e do Terreiro do Paço.
-Os Jardins Infantis tornavam as vossas crianças preguiçosas e molengonas. Não vedes que tendes de as pôr logo a trabalhar mal saem do berço? - A produtividade e a redução do “Déficite” a isso exigem!
-Aquecimento nas Escolas? – Porra! ‘Inda quereis mais calor do que o que tendes? Então não dizeis vós que aí são três meses de Inferno? Que diacho para onde vai tanta “caloreira”? E a água das Caldas não é a mais quente da Europa? E o bagaço daí (com o trigo e as nozes de que fala o cronista Fernando Ribeiro) não aquece a preceito? E o Faustino já esgotou aqueles pipotes que existiam logo à entrada do lado direito? E os Ca®valhos e castanheiros, as carquejas, as urzes, os torgos já não têm calorias? Sois mesmo uns ignorantes: - então não se está mesmo a ver que o Ar condicionado só fica bem nos Gabinetes dos Ministros?
-Pavilhões Gimno-Desportivos? – Vós estais mesmo estragados! Então os Caçadores 10 onde é que se treinavam para as «picadas de África, as serras de Nambo e Talamugongo, o Geba, o Luando? Perguntem ao querido Lino Bolacha onde se treinou para ganhar a medalha de bronze em Aljubarrota! Para as caminhadas diárias de Stº Estêvão, Valdanta, Noval, Caneiro, Campo de Cima, etc, para a Escola Comercial e Industrial e o Liceu havia os balneários da Galinheira, da Azenha do Agapito … e umas bacias a preceito compradas no Latoeiro.
-Clubes de Futebol na Divisão de Honra? – Estais loucos! Então com Regiões tão lindas e tão castiças, não vos chegam uns campeonatozitos regionais/distritais? “Palavra d’honra!”
- Quartéis Militar, da GNR, das Polícias? – Isso ficava-vos mal. Tendes os Fortes, os Castelos, o Monte da Forca. Fica esse restito de polícia municipal que sempre garante um fluxo diário de receitas eventuais e outras conveniências comezinhas.
-Hospital Regional?! – Deixai-vos disso! Vós até vendeis saúde! Umas mezinhas, uns chás de malvas, de cidreira, de barbas de milho; uns bagaços e umas «pielas» tão do vosso gosto substituem com propriedade os “princípios activos” do quinino, da penicilina, do xarope, do anti-depressivo, do antibiótico. Ou, em alternativa, umas promessitas ao S. Caetano, à Srª. da Saúde, a Stº. Bárbara, S. Sebastião, à Srª da Livração e outros santos e santas promovem a vossa cura.
Não esquecer que o beato Nun’Álvares Pereira é Senhor de Chaves!
-Comarcas Judiciais?- Não julgueis, para não serdes julgados. Assim, já não precisais de Palácios da Justiça.
-Aeroportos e heliportos?! - Deixai de ser “otários”! Contentai-vos com o da OTA!
-Caminhos de Ferro?! – Os de Cabras servem-vos muito bem!
-Rede de Água e Saneamento? – A água cria sapos na barriga; e o Saneamento foi feito no “Préque”! Tendes “Três” WC’s de portas fechadas e bem vos chega! Agora chupai no dedo, isto é, aguentai com a cambada que com a vossa leviana cruzinha avalizastes!
-Correios? – Não tendes mesmo à porta uns Campos de Correias que vos transmitem com Urgências notícias das melhores?
Ficais aí com uns Serviçozitos que vos mandam uns Avisos de Pagamento; que vos passam Recibos de Contribuições e Multas, Taxas Moderadoras, e “ é um pau”!
Ajoelhai, vilões, porque a escravatura aos senhores absolutos «de Lisboa» é o vosso destino!
Se por aí houvesse um “Cantinflas Mata-Sete”!...
Tupamaro


De hpserra a 23 de Fevereiro de 2007 às 09:45
Aqui o nosso amigo Tupamaro, deve ter comido sopa de letras ao pequeno-almoço.Agora falando a sério, gostei imenso deste comentário, "carregadíssimo" de ironia. Mas falando outra vez no tema do saudoso Comboio, pergunto: quem estava à frente da Autarquia em 1990? Aquando do fecho da Linha? Quem era? Caros conterraneos, desculpem lá mais uma vez, mas não culpem só o Poder Central


De Dinis Ponteira a 23 de Fevereiro de 2007 às 16:20
Amigo Tupamaro estou com o Humberto hoje teve Pequeno Almoço reforçado.
Parabéns.
Gostei


De António Pinto a 23 de Fevereiro de 2007 às 10:28
Eu, como Flaviense, estou em luta.


De qb a 23 de Fevereiro de 2007 às 10:46
Segundo me constou, também a decisão de acabar com a linha da CP para Chaves, foi de alguém ligado à nossa terra instalado nos cadeirões de Lisboa.


De Justiceiro a 23 de Fevereiro de 2007 às 11:56
Será que todas (ou quase todas) as decisões que prejudicam a nossa cidade saem, normalmente, daqueles que foram eleitos por nós. Será que agora não há um que é conselheiro do Sócrates e todos os dias nos estão a ir ao CU.


De qb a 23 de Fevereiro de 2007 às 12:29
Só sei que era alguém que pertenceu a uma comissão que tomou essa decisão.Prometo divulgar o nome, mal entre em contacto com quem me passou essa informação.


De meditador a 23 de Fevereiro de 2007 às 18:36
Como Flaviense também me sinto revoltado com tudo que nos estão a tirar e a passividade da população. Finalmente tivemos uma ponta de orgulho recentemente e houve uma manifestação como nunca se viu que é de se louvar contra o encerramento das urgências. Quanto ao caro Tupamarro, peço às pessoas de fora que se não estão dentro do assunto pelo menos que se calem e não mostrem a sua ignorância a todos.


De Tupamaro a 23 de Fevereiro de 2007 às 20:09
Meditador, Distinto comentador deste Blog.
O assunto do Hospital pôs a ferver os sentimentos, a consciência, o orgulho dos Flavienses, e de tal forma, que só a notícia da Manutenção( ou até melhoramento) dos Serviços de Saúde pode gerar uma acalmia imediata. Assim, entre outros imediatismos - pois toda (quase) toda a gente anda com os nervos à flor da pele - as leituras de notícias, ou até mesmo os comentários dos Blogues, são feitas com um ritmo de leitura apressado, e, por vezes, confuso.
Vou fazer-lhe a vontade: deixarei todo este espaço e oportunidades do Blog CHAVES para si. Reconheço a minha Ignorância, pois o Conhecimento fugiu todo para os outros, e para mim foi o que restou.
E, se não for inconveniência minha, ou perturbação das suas meditações, rogo-lhe a condescendência de voltar a ler os meus «garatujos».
A expressão do pensamento pode ser-me cortada pelos "donos da verdade" e do poder, pelos intolerantes, pelos carrascos.
A LIBERDADE de Pensamento, essa é que não o conseguem mesmo!
Tupamaro


De Nené Bicha a 23 de Fevereiro de 2007 às 22:33
Sr. Tupamaro. Que nunca as mãos lhe doam nem as suas meditações o impeçam de nos deliciar, com os seus belos escritos e com a livre expressão do seu pensamento. Nestas alturas, aparecem sempre aqueles que têm um grande conflito com a LIBERDADE. Querendo parecer racionais, são exactamente aqueles a quem a consciência "morde" ferozmente. Para esses, a minha compreensão, sem, no entanto, deixar de lhes dizer que, para adormecermos, sempre será melhor ouvir uma balada do génio que morreu faz hoje vinte anos. A esse nunca a consciência o pode ter mordido.


De Granjinha a 23 de Fevereiro de 2007 às 22:37
Caro "meditador" quando li o seu comentário pretendi logo esclarecê-lo, pois percebi que se diz Flaviense, mas não entendi o restante, nomeadamente quando se refere a Tupamaro, pois embora o próprio já o tenha "esclarecido", ele Tupamaro não precise de defesa de ninguém, muito menos de mim, um "reles" comentador, mas só um esclarecimentozinho, Tupamaro é um Flaviense não de sete costados mas de mil....não é migrante nem "adoptivo" mas nascido e criado!!!! Tem talvez mais legitimidade para fazer comentários que qualquer um de "nós", nem que fosse "só "......pelo amor que tem pela sua terra !

Espero que não leva a mal, pode às vezes estar mal informado....
Um abraço de mais um FLAVIENSE!

P.S.Tupamaro que me desculpe a intromissão.


De ana a 23 de Fevereiro de 2007 às 22:38
Meditando no que acabo de ler, só perguntava sabe quem é o amigo Tupamaro , donde é , se está dentro do assunto, pois eu diria, apesar de estar fora, não é de fora, e talvez saiba mais do que se passa aqui do que muita gente que cá vive. Estou a ver que não percebeu nada do que ele queria dizer.


De meditador a 26 de Fevereiro de 2007 às 19:04
Eu não pretendo afirmar que o caro Tupamarro não tem direito à livre expressão e quando escrevi o comentário não estava a "ferver", como pretendem afirmar. Apenas quero dizer que olhem para o que o Ministro anda a querer fazer com as urgências e digam-me agora se valeu a pena ou não fazer a manifestação. Infelizmente, é a única maneira de as populações se fazerem manifestar desta vez por algo justo. Pois meditem sobre o que aontecerá se as nossas urgências forem reduzidas a umas urgências básicas (2 clínicos gerais e um enfermeiro) a servirem uma população de vários concelhos ao redor.


De Predizente da Junta a 27 de Fevereiro de 2007 às 03:24
Olhaide queu só soube cô burro era mesmo burro, quando o bi prezo ao pau da nória a andar àbolta do poço e num foi percizo me ditar muinto.


De spereira a 1 de Março de 2007 às 14:09
S.Tupamaro não desista nunca de expressar os seus pensamentos, porque é de pessoas como o senhor que estes blogs precisam .A carapuça só serve a quem a enfia e quem diz a verdade não merece castigo bem haja Tupamaro.Um abraço de uma valdantense


Comentar post

.Fotos Fer.Ribeiro - Flickr

frproart's most interesting photos on Flickriver

.meu mail: blogchavesolhares@gmail.com

.Maio 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9



28
29
30
31


.pesquisar

 
ouvir-radioClique no rádio para sintonizar

 

 

El Tiempo en Chaves

.Facebook

Fernando Ribeiro

Cria o teu cartão de visita Instagram

.subscrever feeds

.favorito

. Abobeleira em três imagen...

. Solar da família Montalvã...

.posts recentes

. Pedra de Toque

. Momentos traídos pela mem...

. Flavienses por outras ter...

. Ocasionais

. Um olhar com a marca Chav...

. Cartas a Madame de Bovery

. Cidade de Chaves - Um olh...

. Chaves D'Aurora

. Quem conta um ponto....

. Pecados e Picardias

. Pedra de Toque

. Avelelas - Chaves - Portu...

. O Factor Humano

. Cidade de Chaves - Um olh...

. Discursos sobre a cidade

blogs SAPO

.Blog Chaves no Facebook

.Veja aqui o:

capa-livro-p-blog blog-logo

.Olhares de sempre

.links

.tags

. todas as tags

.arquivos

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

Add to Technorati Favorites