12 anos
Domingo, 30 de Dezembro de 2007

Sanfins da Castanheira - Chaves - Portugal

 

.

 

Hoje vamos até Sanfins da Castanheira.
 
Sanfins da Castanheira é sede de freguesia, à qual pertencem as aldeias de Mosteiro, Parada, Polide e Santa Cruz da Castanheira, fica a 24 quilómetros de Chaves e desenvolve-se bem lá no alto da montanha por uma área de 16,3 quilómetros quadrados e faz fronteira com as freguesias de Cimo de Vila da Castanheira, S.Vicente da Raia e os concelhos de Vinhais e Valpaços (Lebução e Bouçoaes).
.
.
 
Quanto a dados estatísticos do CENSOS 2001, tinha nesta data 308 pessoas de população residente, 129 famílias e 252 habitações. Comparando com os CENSOS de 1981 em que tinha como população residente 824 pessoas, vemos que em apenas 20 anos perdeu quase dois terços da sua população para a cidade, grandes centros e emigração. Isto são dados da freguesia e embora seja válido para todas as suas aldeias, não o é por igual. Por observação, penso que as aldeias que sofreram mais com a desertificação foram Parada e Polide, pois Sanfins e Santa Cruz parece-me não ter perdido tanta população como as duas primeiras.
.
.
 
Quanto à aldeia de Sanfins propriamente dita tem a característica de “entrar” por Cimo de Vila adentro e o contrário também se aplica, pois para mim que não conheço o limite das duas freguesias e aldeias, nunca sei onde começa uma e acaba a outra. À primeira vista (desinformada) parece tratar-se apenas de uma aldeia.
 
Como o nome indica, Sanfins da Castanheira é terra de castanheiros, mas não tanto como o nome nos possa levar a pensar. Agricultura é a do costume, praticamente de subsistência e pouco mais. Alguma pecuária, muito menos que há uns bons anos atrás. Políticas das quotas do leite (suponho) e, outras políticas agrícolas, têm contribuído para a desertificação destas populações. Tirando-lhes o seu único rendimento (pecuária e agricultura) mais nada lhes resta e,  só a velhice ou muito amor às suas aldeias é que os vai prendendo por lá.
.
.
 
Todos lamentamos, pois com a desertificação das aldeias, perde-se também muito daquilo que temos de genuíno e muitas tradições ligadas à terra, à religião e às povoações. Coisas simples que fazem a sua identidade e que jamais serão recuperadas.
 
As festas da terra são em Agosto. Não me refiro às festas religiosas, mas à festa da gente e dos seus filhos, pois é em Agosto que todos se vão juntando por lá, principalmente os emigrantes, que em Agosto dão vida às ruas e às casas.
 
Segundo reza a história mais antiga, foi uma das freguesias mais importantes do arciprestado de Monforte. O onomástico Sanfins provém do orago da freguesia que é São Pedro Fins. Em toda a envolvente da freguesia foram encontrados vestígios de povoamento remotos, até da Pré-história. Existem também nesta área sepulturas e sarcófagos da Idade Média.
.
.
 
Segundo a história mais recente, a freguesia, principalmente Sanfins e Mosteiro, está também ligada à guerrilha antifraquista, pois também era por aqui que os guerrilheiros tinham casas de abrigo, como alias já foi referido nos posts dedicados ao Cambedo.
 
E claro que não podia terminar sem referir a família Pinheiro, na qual tenho amigos de há longa data e foi pela mão deles que já há muito descobri a freguesia na festa de Stª Cruz, com um abraço para o Zequinha, o Arnaldo e, claro, o Presidente da Junta.
Até amanhã de regresso à cidade.
 
 
´
publicado por Fer.Ribeiro às 02:26
link do post | comentar | favorito
|  O que é?
19 comentários:
De Ana Isabel Alves Lopes a 7 de Agosto de 2008 às 11:11
Eu ja visitei sanfins e parada.
O meu pai nasceu lá.
Eu sou de Viana do Castelo.


De Paulo Lopes a 23 de Agosto de 2010 às 13:56
Podia indicar exactamente o local de nascimento do seu pai? É que eu nasci em Parada (24/07/65) e tenho andado à procura de pessoas que também tenham lá nascido ou vivido, para troca de impressões sobre a aldeia. Cumprimentos


De celestino teixeira lopes a 23 de Outubro de 2010 às 16:40
eu celestino teixeira lopes sou filho do almor mais conhecido pelo fogueteiro gostava de saber quem tu es


De Morais Felisberto a 27 de Outubro de 2010 às 18:15
Olá Celestrino , é o Felisberto como estás ?? Manda-me o teu numero de telefone para te contactar .


De Luis a 24 de Junho de 2012 às 14:37
Olá hoje mesmo vi a tua mensagem não me lembro já da tu cara mas se me quiseres contactar 968950914 um abraço luis.


De anónimo a 3 de Maio de 2009 às 22:15
Eu nasci a29/06/64 em Parada todos os meus amigos e amigas se encontam fóra da aldeia, com muita pena minha sou o luis filho do Almor connhecido pelo (fogueteiro)


De Paulo Alexandre Pinto Lopes a 23 de Agosto de 2010 às 13:49
Nasci em 24/07/65, também em Parada, numa casa junto ao forno da aldeia. Sou um dos quatro filhos da Professora primária à época - Iracema de Jesus Pinto. O meu falecido avô era conhecido como o Ti António do cruzeiro. Recordo com saudade os períodos de férias de Verão que lá passei. Actualmente vivo na Vila de Arruda dos Vinhos. Lembro-me vagamente do seu pai (fogueteiro) mas não me recordo da sua cara. Caso não se importe solicito-lhe que me envie por mail uma foto sua. Obrigado


De Carla Sofia Nascimento a 12 de Janeiro de 2011 às 22:28
Eu sou d Mosteiro, más levo mais de 15 anos fora. Gostei muito das suas fotografias. y gostaria de saber quem era o presidente da Junta.
Acho que o eu pai Ramiro (mais conhecido por o Nabo) foi alguma vez presidente.


De Leopoldina VIEIRA MARTINS a 12 de Fevereiro de 2011 às 23:02
Ola Carla, vi o teu comentario, o teu pai era meu primo... nao foi presidente mas fez parte da junta...
Espero te encontrar em Mosteiro para a festa!Beijos


De Roberval de Oliveira a 3 de Março de 2012 às 19:07
Boa tarde. Moro no Brasil, e segundo minha mãe e seus irmãos os pais dela tinham fazendas no Cimo de Sanfins da Castanheira, mas venderam tudo. Gostaria de saber como posso conseguir informações sobre esse local no século passado, e onde conseguir fotos da época quando eles ainda eram donos das terras. O sobrenome dele era Corrêa. Por favor, se alguém souber qualquer informação a respeito dessa família, gostaria de receber, inclusive do cemitério local, igreja, e bancos. Obrigado


De Marisa a 20 de Maio de 2012 às 15:52
ola tanbem sou de parada e adoro a minha aldei vou la todos os anos no mes de agosto estou na frança mas nao me esquesso da quela linda aldeia se gostais mesmo dessa terra que sera a vossa ate aos fins dos tenpos onde crescestens passai la vizitaia e vereis a alegria e paz que ela transmite. Abraço para todos sou a Marisa mais conhecido o meu pai o RÓ filho do roulo e irmao do Ferrinho. A festa la este ano e dia 10 de agosto aparecei que eu tambem vou la estar.


De Anónimo a 20 de Maio de 2012 às 15:53
ola tanbem sou de parada e adoro a minha aldei vou la todos os anos no mes de agosto estou na frança mas nao me esquesso da quela linda aldeia se gostais mesmo dessa terra que sera a vossa ate aos fins dos tenpos onde crescestens passai la vizitaia e vereis a alegria e paz que ela transmite. Abraço para todos sou a Marisa mais conhecido o meu pai o RÓ filho do roulo e irmao do Ferrinho. A festa la este ano e dia 10 de agosto aparecei que eu tambem vou la estar.


De Marisa a 20 de Maio de 2012 às 23:53
ola tanbem sou de parada e adoro a minha aldei vou la todos os anos no mes de agosto estou na frança mas nao me esquesso da quela linda aldeia se gostais mesmo dessa terra que sera a vossa ate aos fins dos tenpos onde crescestens passai la vizitaia e vereis a alegria e paz que ela transmite. Abraço para todos sou a Marisa mais conhecido o meu pai o RÓ filho do roulo e irmao do Ferrinho. A festa la este ano e dia 10 de agosto aparecei que eu tambem vou la estar.


De Anónimo a 21 de Maio de 2012 às 00:08
Ola mauta de parada e com muita soudade que um dia de la me despedi faz ja 8 largos anos que la nao vou encontrome nos estados unidos e aida nao fui a portugal nem a parada minha linda terra e terra de meus pais e avos que sou filho do conhecido Miro e neto do baldemar mais conhecido por ti Russo. Este mes de agosto vou la se deus me ajudar ja comprei o bilhete abraço para um grandes amigos de infancia que sao ofamoso Pésunto o Davide filho do senhor alvaro e para o Emidio filho do senhor Sergio Abraço forte para toda a gente de parada e para parada tambem ate ao mes de agosto se deus quizer.


De Luis a 17 de Junho de 2012 às 14:22
0lá ja não me lembro da tua cara mas ainda este mes de agosto estive a falar com a tua tia e o teu tio pois ele foi quem construi a casa dos meus pais eu sou o luis filho do almor vivo em viana do castelo e para o mes de agosto la nos vamos encontrar um grande abraço para ti para o teu pai e tio,nuno tia barbara um até sempre.


De Luis a 24 de Junho de 2012 às 14:42
Adoro ver estas fotos um belo trabalho só peca por r pouco mais iniciativas destas deviam ser feitas parabens.


De desconhecido a 8 de Abril de 2014 às 17:49
Que eu saiba o Ramiro de mosteiro tinha 4 filhas que eu bem conheci. Mas nao me recorda de ele ser um dia presidente da junta.


Comentar post

.Fotos Fer.Ribeiro - Flickr

frproart's most interesting photos on Flickriver

.meu mail: blogchavesolhares@gmail.com

.Junho 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3

4
5
6
7
8
9

11
15

24

25
26
27
28
29
30


.pesquisar

 
ouvir-radioClique no rádio para sintonizar

 

 

El Tiempo en Chaves

.Facebook

Fernando Ribeiro

Cria o teu cartão de visita Instagram

.subscrever feeds

.favorito

. Abobeleira em três imagen...

. Solar da família Montalvã...

.posts recentes

. Freiras - Versão 3

. Discursos Sobre a Cidade

. Coisas do meu baú - A man...

. Flavienses por outras ter...

. Novidades...

. Cartas a Madame de Bovery

. Imagens frescas para dias...

. Chaves D'Aurora

. Quem conta um ponto...

. O Barroso aqui tão perto ...

. Bustelo - Chaves - Portug...

. Ilumina-me, poesia de Ant...

. O Factor Humano

. Coisas primeiras

. Cartas a Madame de Bovery

blogs SAPO

.Blog Chaves no Facebook

.Veja aqui o:

capa-livro-p-blog blog-logo

.Olhares de sempre

.links

.tags

. todas as tags

.arquivos

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

Add to Technorati Favorites