Sábado, 19 de Janeiro de 2008

Sesmil - Chaves - Portugal

 

.

 

Mais um bocadinho e Sesmil era veiga ou um pouco mais e era montanha. A 8 quilómetros a Sul de Chaves, ali mesmo onde a veiga de Chaves termina e começa o Brunheiro a subir em direcção às aldeias de montanha.
.
.
 
Sesmil pertence à freguesia de S.Pedro de Agostém, tem por vizinhas as aldeias de Izei, Agostém, Paradela de Veiga e Samaiões e, embora a sua proximidade da cidade, é uma aldeia rural e agrícola, de terras férteis que embora não estejam dotadas ao abandono, nota-se que a agricultura por aqueles lados já teve melhores dias. O costume ao qual infelizmente já nos vamos habituando.
 
.
.
Sesmil ou Sesmir,  é nome de rico, homem da época da Reconquista Cristã.
 
Teria havido neste local um povoamento muito anterior ao século XII.
 
No Bairro do Fundo do Povo situa-se a capela de Santa Ana cuja solenidade se celebra a 26 de Julho. Noutros tempos o orago era Santo André, mas os crentes tomaram a decisão de o substituir por Santa Ana.
.
.
 
Na aldeia existe ainda uma bonita casa senhorial com capela anexa, completamente abandonada, povoada pelas silvas e a meter dó. A capela é dedicada a S. João Baptista. Diz se que teria pertencido à Ordem do Hospital e que teria, em tempos idos, sido mesmo um convento. O costume também por esse nosso concelho fora e que ainda há pouco deixei aqui imagens de outros casos de importantes construções senhoriais, brasonadas e mosteiros, como no caso da aldeia de Mosteiro ou Redial, entre outros.
.
.
 
Pena que este casario tão importante e valioso da nossa arquitectura senhorial, nem sequer esteja referenciado pelas entidades responsáveis, e se algum ainda se vai mantendo com alguma dignidade, graças a autêntica carolice dos proprietários ou investimentos de turismo rural, outros há que vão acabar num monte de escombros, porque esquecidos e ignorados já o estão há muito. Pena, claro que temos pena que este património que é de todos, apenas seja habitado por silvas, lagartos e ratazanas, e não seja de ninguém. E ainda há quem se choque com os nossos lamentos. Pois lamentável mesmo é o abandono a que o nosso património e as nossas gentes, principalmente as das aldeias, estão dotados, sem o merecerem, mas mesmo assim, são gente boa, pura e humilde, honesta e hospitaleira, valores que aos poucos vão morrendo com este gente das nossas aldeias.
 
Até amanhã, por aí em mais uma aldeia.
´
publicado por Fer.Ribeiro às 01:45
link do post | comentar | favorito
|  O que é?
8 comentários:
De Lai Cruz a 19 de Janeiro de 2008 às 19:54
Concordo contigo, as nossas aldeias, a nossa arquitectura têm sido abandonas por todos… Resta-nos a gente que vive lá, gente boa e humilde, de facto.
Aqui deixo uma declaração de amor à minha terrinha - Valdanta (Chaves).


De Nicolas Sesmil a 6 de Abril de 2008 às 15:18
Infelizmente é verdade as aldeias vão desaparecendo.
Sou filho de emigrante em França e tenho as minhas origens nesta aldeia de Sesmil . Meus pais são do concelho de Valpaços e muitas aldeias estão perdendo seus habitantes. No entanto alguns resistam e outros vão como por exemplo renovando antigas casas rurais que acho uma excelente ideia enfim de preservar o nosso património trasmontano.
Um obrigado especial para este documento sobre sesmil


De Cláudia Sesmil a 24 de Março de 2009 às 20:48
Nicolas Sesmil,
Gostaria de ter um endereço eletônico seu pois com certeza somos parentes meu avô se chamava Alberto Sesmil e tinha um irmão chamado Miguel.
Meu e-mail é publicrj@click21.com.br
Um abraço,
Cláudia Sesmil


De Anónimo a 3 de Abril de 2016 às 13:27
Sou de sesmil e não conheço nenhum Miguel ou Alberto e o senhor Manuel da Silva não é Da aldeia


De Manuel DA SILVA a 18 de Agosto de 2008 às 08:24
Bonjour
Je suis lusodescendant et j'habite une maison ancienne dans le village de SESMIL. Depuis plusieurs années je restaure un corps de maisons anciennes où j'aime passer mes vacances acec ma famille et mes amis. Moi aussi je me lamente de voir cette superbe église à l'habandon! A qui appartient-elle? Ne serait-il pas possible de créer une association pour reprendre sa restauration et en faire un lieu de culture pour y installer un artisant potier, un sculpteur ou tout autre artiste. Je suis moi-même écrivain et prêt à donner de ma personne pour faire revivre cette chapelle d'une beauté toute particulière.
Manuel, o frances de SESMIL


De vilela a 19 de Setembro de 2010 às 15:36
bonito comentário do sr. manuel eu moro em sesmil bonita aldeia do concelho de chaves


De ana a 15 de Julho de 2013 às 21:12
Sesmil é uma aldeia espectacular com umas vistas lindas de morrer e muito próxima da cidade pena não estar bem explorada...


De Herlânder a 18 de Outubro de 2013 às 20:59
Também lá eu morei quando era pequeno e bem perto da igreja. Ainda me calha de lá passar ferias ;-)


Comentar post

.Fotos Fer.Ribeiro - Flickr

frproart's most interesting photos on Flickriver

.meu mail: blogchavesolhares@gmail.com

.Setembro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
14


24
26
27
28
29
30


.pesquisar

 
ouvir-radioClique no rádio para sintonizar

 

 

El Tiempo en Chaves

.Facebook

Fernando Ribeiro

Cria o teu cartão de visita Instagram

.subscrever feeds

.favorito

. Solar da família Montalvã...

.posts recentes

. O Barroso aqui tão perto ...

. Quem conta um ponto

. Condeixa (Quinta), Casa A...

. Pedra de Toque

. Cidade de Chaves - Um olh...

. Crónicas estrambólicas

. Flavienses por outras ter...

. Cidade de Chaves - Um olh...

. Chaves D'Aurora

. Cidade de Chaves e a Nª S...

. Quem conta um ponto...

. O Barroso aqui tão perto ...

. Pecados e Picardias

. Cimo de Vila da Castanhei...

. O factor Humano

blogs SAPO

.Blog Chaves no Facebook

.Veja aqui o:

capa-livro-p-blog blog-logo

.Olhares de sempre

.links

.tags

. todas as tags

.arquivos

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

Add to Technorati Favorites