Domingo, 10 de Junho de 2012

Couto de Ervededo - Chaves - Portugal

 

Vamos lá então até mais uma das nossas aldeias – Couto de Ervededo -  numa passagem de inverno, dezembro de 2009, para ser mais preciso. É, lá vou tendo que recorrer às imagens de arquivo enquanto uma nova visita por aquelas terras não calha a jeito.

 

 

Há quem não goste do inverno para a fotografia. Confesso que antigamente também não gostava, mas foi só enquanto não descobri que as cores e tons do frio são bem mais interessantes que os azuis do verão. Gostos.

 

 

Também pelo Couto as minhas passagens ou foram breves ou então perdi-me em conversas com alguns resistentes. Às vezes, ou aliás – sempre – uma boa conversa vale mais que mil imagens, principalmente se essas conversas estão cheios de saberes, daqueles que hoje já não se aprendem ou usam, e temos pena, pois aprende-se muito com os resistentes das nossas aldeias.

 

 

Assim, lá terei que ir outra vez pelo Couto em busca de mais imagens, não sei quando, mas irei, e desta vez, para contrastar com as imagens de inverno, talvez vá neste verão ou outono e espero que as amoreiras ainda continuem a embelezar a rua que desce para o cruzeiro, pois pelas aldeias também se fazem disparates, não é só na cidade.

 

 

Fica assim prometida mais uma recolha de imagens e algumas estórias. Para já, ficam estas, de um dia de inverno e chuvoso, mas até a chuva compõe as imagens, as câmaras fotográficas é que não gostam muito, mas paciência… Fica também numa delas mais um elogio ao fio azul, que utimamente tem andado arredado daqui, mas continua a ser o melhor.

 

Até amanhã de regresso à cidade.

 

 

 

publicado por Fer.Ribeiro às 02:51
link do post | comentar | favorito
2 comentários:
De Celeste Santos a 10 de Junho de 2012 às 16:56
Estando hoje um pouco despida de palavras, (talvez tal se deva à emoção dum Dia de Portugal (de Camões e das Comunidades Portuguesas) que não se celebra, que consciência de nação não temos e só exibimos a bandeira nacional e cantamos o hino (mal) porque há futebol, indústria que não venero), vou ser bem mais breve no meu comentário d'hoje , caro Fernando.
As imagens fidelíssimas que nos deixa, acrescidas dos seus comentários bem singulares, são um hino a Portugal. Ao país real, profundo, com alma que pulsa, com gente calejada, com gente "resistente".
E é de gente que luta e resiste que continua a ser feita a nossa matéria. Por vezes (ainda que) comodamente, obedientemente, com falsas reivindicações e coragens zero, a medo, com alguma "esperteza do chico e da chica " à mistura, mas resistente. Resistente porque sobrevive; só e apenas por isso.
Se analisarmos a sociedade de hoje em termos globais, amorfa, anestesiada, ignorante funcional e/ou arrogante, verificamos que esta a nada resistente, contra / por nada luta organizadamente e muito menos com o objectivo do bem comum. E cada vez mais se denota o "umbiguismo social" em acção.
Apesar disso, o nosso povo tem sido, ao longo dos tempos, prova viva do espírito de sacrifício e de luta pela sobrevivência em situações quase limite.
Só espero muito sinceramente que, com a forma como se está a morder a isca e a ser apanhado com todo este engodo, não passemos a ser 'a prova morta' com a facilidade dum... ai!
Afinal... ia ser tão breve... mas, tal como me dizia a minha mãe, "andas sempre a dar água sem caneco", acabei por ser fiel a mim mesma e, nem mesmo a falta de entusiasmo parece impedir-me de... enfim!
Adorei o seu "elogio ao fio azul", Fernando! Eu, pessoalmente, prefiro o fio de norte que uso para tudo e nada, mas o azul é de facto mais chamativo, mais grosso e, muito provavelmente, bem mais barato! E de uma tipicidade a toda a prova! Até nos presuntos se encontra!


Um abraço.

C.


De Stephanie Soares a 29 de Dezembro de 2012 às 00:07
A identificação da rua fui eu que a fiz com 14anos visto que as ruas não terem nome resolvemos fazê.la nós que saudades da infância em que a minha aldeia era super habitada e hoje pouca gente lá mora obrigada pôr relatar a minha aldeia.


Comentar post

.Fotos Fer.Ribeiro - Flickr

frproart's most interesting photos on Flickriver

.meu mail: ribeiro.dc@gmail.com

.Julho 2014

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5

6
7
8
9
12



31


 

 

El Tiempo en Chaves

.Veja aqui o:

capa-livro-p-blog blog-logo

.Facebook

Blogue Chaves Olhares

Cria o teu cartão de visita Fernando Ribeiro

Cria o teu cartão de visita Instagram

.subscrever feeds

.posts recentes

. Despertar em Chaves...

. Chá de Urze com Flores de...

. Intermitências

. Quem conta um ponto...

. De Regresso à Cidade com ...

. As nossas aldeias com ima...

. Pecados e picardias

. Castelo de Monforte - Cha...

. Pedra de Toque - Menina P...

. Apenas uma imagem, um por...

. vivências - " Os putos"

. Largo do Arrabalde - Chav...

. Chá de Urze com Flores de...

. O Barroso aqui tão perto....

. Ocasionais - "Ao Alto da ...

.pesquisar

 
blogs SAPO

.Blog Chaves no Facebook

Estou no Blog.com.pt

.Creative Commons

Creative Commons License
Este Blogue e o seu conteúdo estão licenciados sob uma Licença Creative Commons.

.Olhares de sempre

.links

.tags

. todas as tags

.arquivos

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

Add to Technorati Favorites