Sábado, 9 de Julho de 2016

Alanhosa - Chaves - Portugal

1600-alanhosa (265)

 

E porque hoje é sábado vamos até mais uma das aldeias do nosso concelho, privilegiando a imagem, porque essa será a que fará memória futura de como foram as nossas aldeias.

 

1600-alanhosa (260)

 

Eu sei que a palavra escrita não é qualquer vento que a leva, mas por muito descritiva que seja, nunca conseguirá vencer a força da imagem e depois estou farto de andar por aqui a dizer o mesmo e por muita razão que até possa ter, como julgo que tenho, os poderes instituídos estão-se a marimbar (para não dizer outra palavra) para as nossas aldeias, para o interior e para a nossa gente.

 

1600-alanhosa (253)

 

Os políticos  apenas falam das preocupações do mundo rural e do interior  quando se propõem ser eleitos, e não importa ser de esquerdas ou direitas, aqui ou em S.Bento, após chegados ao poder, os seus interesses passam a ser outros, mas há interesses  que eles sempre salvaguardam e outros nos quais se empenham em construir  – os seus próprios interesses e o futuro após poder. E se querem exemplos, basta ver o que fazem hoje os ex-governantes e ex-presidentes de Câmara.

 

1600-alanhosa (250)

 

Embora não prometa silêncio, pois há vezes que temos mesmo de explodir em palavras, as aldeias continuarão a marcar aqui presença,  a dizer presente e a mostrar que, embora pouca, ainda têm gente dentro, como é o caso da nossa aldeia de hoje, no planalto da Serra do Brunheiro e que dá pelo topónimo de Alanhosa.

 

 

´
publicado por Fer.Ribeiro às 23:36
link do post | comentar | favorito
|  O que é?
2 comentários:
De Luís Henrique Fernandes a 10 de Julho de 2016 às 22:20
“ALHANOSA”


Em 30 de Janeiro deste ano, ALHANOSA mereceu aqui, neste Blogue, um Post(al) muito lindo, quer pelo texto, quer pelas Fotografias (nada a que já não estejamos habituados no nosso dia a dia de visita, melhor dizendo, de procissão pelos jardins desta casa, já mais famosa do que a célebre “Casa Azul”)!

Alinhavei, nessa altura, um comentário que, tal como muitos outros, acabei por arrumar na gaveta do fundo.

Mas, porque, afinal, a Caixa de Comentários não tem andado assim tão abarrotada nem entupida, cá vai o alinhavo, pois o Post(al) de hoje me parece a continuação do anterior, acerca de ALHANOSA.

Tal como o dedicado e inspirado autor destas graciosas e meritórias páginas a glorificar A NOSSA TERRA, também eu «mergulho com paixão» para colher o prazer de apanhar mancheiinhas de encantos e de consolos, e, ou, à descoberta de novos matizes nas NOSSAS «pérolas».

Assim, escrevi:

-***


Pois sim!
Mas na Filosofia também encontramos, todos, sim, se o quisermos, um consolo.
“… necessidade de mergulhar de vez em quando na nossa ruralidade mais profunda”!
É isso mesmo, caro autor do Blogue “CHAVES”!
Por mais que os hipócritas e os impostores se esforcem por escondê-lo, esse sentimento, essa necessidade, está lá, profundamente enraizada no coração e na alma dos Portugueses
Reconheço que também na alma e no coração dos latinos mediterrânicos.
A flor desse sentimento tem um nome próprio e único: SAUDADE.
E o fruto dessa flor e dessas sementes tem por nome GRATIDÂO.
“Ter um sentimento é estar afectado por ele.
Padecê-lo naquele instante, neste momento (em que o autor e eu escrevemos, p. ex.) a recordação do objecto provocador é outro objecto que nos afecta também, embora de maneira distinta”: a alegria ou tristeza que outrora tivemos não «dá» necessariamente em tristeza e alegria, hoje.
Hoje, esquece-se com demasiada facilidade.
**.
M., trinta de Janeiro de 2016
Luís Henrique Fernandes
.***

M., Dez de Julho de 2016
Luís Henrique Fernandes


De Luís Henrique Fernandes a 10 de Julho de 2016 às 23:34
“ALANHOSA”


Em 30 de Janeiro deste ano, ALANHOSA mereceu aqui, neste Blogue, um Post(al) muito lindo, quer pelo texto, quer pelas Fotografias (nada a que já não estejamos habituados no nosso dia a dia de visita, melhor dizendo, de procissão pelos jardins desta casa, já mais famosa do que a célebre “Casa Azul”)!

Alinhavei, nessa altura, um comentário que, tal como muitos outros, acabei por arrumar na gaveta do fundo.

Mas, porque, afinal, a Caixa de Comentários não tem andado assim tão abarrotada nem entupida, cá vai o alinhavo, pois o Post(al) de hoje me parece a continuação do anterior, acerca de ALANHOSA.

Tal como o dedicado e inspirado autor destas graciosas e meritórias páginas a glorificar A NOSSA TERRA, também eu «mergulho com paixão» para colher o prazer de apanhar mancheiinhas de encantos e de consolos, e, ou, à descoberta de novos matizes nas NOSSAS «pérolas».

Assim, escrevi:

-***


Pois sim!
Mas na Filosofia também encontramos, todos, sim, se o quisermos, um consolo.
“… necessidade de mergulhar de vez em quando na nossa ruralidade mais profunda”!
É isso mesmo, caro autor do Blogue “CHAVES”!
Por mais que os hipócritas e os impostores se esforcem por escondê-lo, esse sentimento, essa necessidade, está lá, profundamente enraizada no coração e na alma dos Portugueses
Reconheço que também na alma e no coração dos latinos mediterrânicos.
A flor desse sentimento tem um nome próprio e único: SAUDADE.
E o fruto dessa flor e dessas sementes tem por nome GRATIDÂO.
“Ter um sentimento é estar afectado por ele.
Padecê-lo naquele instante, neste momento (em que o autor e eu escrevemos, p. ex.) a recordação do objecto provocador é outro objecto que nos afecta também, embora de maneira distinta”: a alegria ou tristeza que outrora tivemos não «dá» necessariamente em tristeza e alegria, hoje.
Hoje, esquece-se com demasiada facilidade.
**.
M., trinta de Janeiro de 2016
Luís Henrique Fernandes
.***

Mozelos, Dez de Julho de 2016
Luís Henrique Fernandes



Comentar post

.Fotos Fer.Ribeiro - Flickr

frproart's most interesting photos on Flickriver

.meu mail: blogchavesolhares@gmail.com

.Outubro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9

15

22
24
25
26
27
28

29
30
31


.pesquisar

 
ouvir-radioClique no rádio para sintonizar

 

 

El Tiempo en Chaves

.Facebook

Fernando Ribeiro

Cria o teu cartão de visita Instagram

.subscrever feeds

.favorito

. Solar da família Montalvã...

.posts recentes

. Feira dos Santos - Um peq...

. O Barroso aqui tão perto ...

. Quem conta um ponto...

. Dadim - Chaves - Portugal

. Feira dos Santos - Um peq...

. O Factor Humano

. Feira dos Santos - Um peq...

. Nós, os homens

. Feira dos Santos - Um peq...

. Feira dos Santos - Um peq...

. Chaves D'Aurora

. De regresso à cidade com ...

. O Barroso aqui tão perto ...

. Quem conta um ponto...

. Curral de Vacas - Chaves ...

blogs SAPO

.Blog Chaves no Facebook

.Veja aqui o:

capa-livro-p-blog blog-logo

.Olhares de sempre

.links

.tags

. todas as tags

.arquivos

. Outubro 2017

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

Add to Technorati Favorites