Sábado, 9 de Setembro de 2017

Cela - Chaves - Portugal

1600-cela (3)

 

A aldeia da Cela é o nosso destino de hoje. Antiga freguesia foi apanhada nas malhas daquela pessegada de unir freguesias, sendo hoje pertença da união das freguesias de Eiras, São Julião de Motenegro e Cela, freguesia esta que na prática vê o seu território estender-se desde a veiga de Chaves até ao concelho de Valpaços.

 

1600-cela (75)

 

Certo que o nosso mundo rural está cada vez mais despovoado pelos seus e desprezado pelos “outros” e se as coisas assim continuarem, e tudo indica que assim continuarão, num futuro próximo, o concelho de Chaves em termos populacionais, bem poderá ficar reduzido a duas freguesias – uma urbana de cidade e periferia e outra rural.

 

1600-cela (15)

 

Quanto à Cela é uma pequena aldeia implantada em plena Serra do Brunheiro escondida e recatada das vistas exteriores mas com excelentes vistas para a Veiga de Chaves e para a aldeia de S.Lourenço.

 

1600-cela (25)

 

Aldeia pequena mas uma das raras aldeias de Chaves que já há uns bons anos, dezenas, matem um Grupo Cultural e Etnográfico com um rancho folclórico e de cantares que nas suas atuações se faz sempre acompanhar de utensílios tradicionais utilizados ao longo dos tempos no mundo rural.

 

 

 

´
publicado por Fer.Ribeiro às 14:34
link do post | comentar | favorito
|  O que é?
Sábado, 18 de Julho de 2015

Cela - Chaves - Portugal

1600-cela (28)

Como sempre aos sábados fazemos uma passagem pelo nosso mundo rural. Geralmente o mundo rural acontece aqui aleatoriamente, pois nunca sei qual a aldeia que vou trazer aqui aos fins-de-semana, geralmente dou uma vista de olhos rápida pelo arquivo fotográfico e paro quase ao acaso em cima da pasta de uma aldeia, entro nela, vejo as fotos e se há uma ou mais que despertam a minha atenção partilho-a aqui, mas para haver fotos nas pastas de arquivo temos que, antes, passar por essas aldeias para fazer os registos fotográficos e, há aldeias, que calham mais em jeito que outras, principalmente quando dedicamos uma tarde à recolha de imagens e privilegiamos itinerários em que a recolha pode ser mais frutífera. Pois acontece que a aldeia da Cela, embora aqui à mão, não calha a jeito nos itinerários de percurso de várias aldeias e por essa razão raramente passamos nas suas redondezas e daí ter pouco material em imagem da aldeia, pois sinceramente só uma vez fui por lá para recolher imagens e daí ser uma das aldeias em que não passa por aqui com tanta frequência, mas, mais uma vez, fica a promessa que um destes dias lá estarei e a Cela terá aqui uma publicação mais alargada mostrando mais o seu ser. Para hoje fica apenas uma imagem, de marca, com o seu cruzeiro de fundo.

 

 

´
publicado por Fer.Ribeiro às 04:11
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
|  O que é?
Sexta-feira, 15 de Agosto de 2014

O Barroso aqui tão perto… Roteiro para um dia de visita – 5ª paragem, ou não!

 

 

Vamos então à parte final do nosso passeio de um dia por Barroso.

 

Ontem tínhamos acabado de visitar a Ponte da Misarela e partíamos à procura do almoço, que pela certa terá de acontecer mais tarde que o habitual, pois adivinha-se as visitas à P. da Misarela são sempre mais demoradas do que aquilo que se prevê. Também o almoço convém ser degustado nas calmas, é o que se recomenda para quando a comida é boa e a bebida ajuda, e depois, no nosso roteiro só já temos mais duas visitas a duas aldeias vizinhas – Cela e Sirvozelo - ambas na margem direita do Cávado, a jusante da Barragem de Paradela do Rio, mas quase logo após o paredão da Barragem .

 

 

Também por aqui as aldeias já não são aquilo que eram e vão sofrendo dos mesmos males das restantes aldeias transmontanas. São aldeias despovoadas onde só os mais idosos, os resistentes se vão mantendo, ainda à espera dos seus no mês de agosto, mas que poisam por lá pouco tempo, pois também eles, emigrantes ou não, agora nas férias vão tendo interesses noutras paragens com mais comodidades, mais luzes, movimento e neons. Gostos! e gostos não se discutem.

 

 

Ambas as aldeias são pequenas, mas mantêm a sua essência de aldeia, com o casario tradicional sem grandes intervenções, nem modernices, o que lhes aumenta o interesse. Com sorte encontraremos um ou outro resistente para dois dedos de conversa, ou encontraremos um pequeno rebanho misto de cabras e ovelhas que sozinhas regressam a casa. Tudo por lá é singular. Os grandes rochedos, as latadas a cobrir as ruas e demais pormenores que devem ser saboreados lá, no seu ambiente.

 

 

Depois destas aldeias, o regresso. Já chega para um dia. Ainda pode fazer mais uma paragem em Montalegre para um copo de fim de tarde, mas isso é opção além de se correr o risco de o copo cair bem e acabar por ficar para jantar, o que não é mal nenhum, mas já é um extra ao nosso dia de passeio pelo Barroso de Montalegre, um dos muitos possíveis.

 

 

  

 

 

´
publicado por Fer.Ribeiro às 00:30
link do post | comentar | favorito
|  O que é?
Sábado, 12 de Setembro de 2009

Aldeias de Chaves - Portugal

Sobreira

 

 

 

.

 

Cela

 

´
publicado por Fer.Ribeiro às 01:18
link do post | comentar | favorito
|  O que é?
Sábado, 14 de Março de 2009

Mosaico da freguesia da Cela

 

.

 

Mosaico da Freguesia da Cela

 

 

Localização:

A 10 km da cidade de Chaves toda a freguesia se desenvolve nas encostas da Serra do Brunheiro.

 

Confrontações:

Confronta com as freguesias da Madalena, Eiras, S.Julião de Montenegro, Nogueira da Montanha, Vilar de Nantes e Friões, esta última do concelho de Valpaços.

 

Coordenadas: (Junto à Igreja da Cela)

41º 42’ 58.17”N

7º 25’ 07.48”W

 

Altitude:

Variável – Entre os 800m em Tresmundes e os 450m na Ribeira do Pinheiro.

 

Orago da freguesia:

Nossa Senhora das Neves

 

Área:

3,80 km2.

 

Acessos (a partir de Chaves):

– Estrada Nacional 213 em direcção a Valpaços.

 

 

.

 

.

 

 

Aldeias da freguesia:

            - Cela

            - Ribeira do Pinheiro

            - Ribeira de Sampaio

            - Tresmundes

 

População Residente:

            Em 1900 – 283 hab.

            Em 1920 – 294 hab.

Em 1940 – 366 hab.

            Em 1960 – 410 hab.

            Em 1981 – 320 hab.

            Em 2001 – 228 hab.

 

.

 

.

 

Principal actividade:

- A agricultura de montanha e floresta. Em tempos teve a sua importância na moagem de cereais, como o testemunham ainda alguns dos moinhos existentes ao longo da Ribeira de Palheirós, que mais abaixo se transforma em Ribeira do Caneiro.

 

Particularidades e Pontos de Interesse:

Sem dúvida alguma que como ponto de interesse aponto a condição e localização geográfica de toda a freguesia, com Tresmundes quase no ponto mais alto do Brunheiro a dominar em vistas todo o vale de Chaves e montanhas que se prolongam por terras de Barroso e da Galiza, até às duas Ribeiras e o seu conjunto de moinhos que se desenvolvem ao longo da Ribeira de Palheirós. Em plena Ribeira de Sampaio ainda destaque para a ponte de com um único arco e guardas de pedra cuja construção remonta à época baixo-medieval.

 

Também os conjuntos de moinhos que fazem as duas Ribeiras seriam de destacar se ainda estivessem a funcionar e em bom estado de conservação, tendo mesmo, na Ribeira de Sampaio e naquele que era um dos locais mais bonitos de concelho, sido descaracterizado todo o ambiente bucólico e de interesse que detinham há coisa de vinte e picos anos atrás. Resta-lhe a ponte.

 

Sem dúvida alguma que é (mesmo com os atentados e os abandonos dos moinhos) uma freguesia que merece uma visita pela sua beleza de conjunto e pelas belezas que desde lá as vistas alcançam.

 

De referir ainda a existência de um grupo de cantares, danças e etnográfico da freguesia, que tão bem a tem representado, não só à freguesia, mas também ao concelho de Chaves, quer em Portugal quer no estrangeiro e que marca presença em todos os eventos cá da terrinha.  

 

 

.

 

.

 

 

Linck para os posts neste blog dedicados às aldeias da freguesia:

 

            - Cela - http://chaves.blogs.sapo.pt/228579.html

 

            - Ribeira do Pinheiro - http://chaves.blogs.sapo.pt/361168.html

 

            - Ribeira de Sampaio - http://chaves.blogs.sapo.pt/230549.html

 

- Tresmundes - http://chaves.blogs.sapo.pt/354674.html

           

 

Até amanhã, com mais uma das nossas aldeias.

 

´
publicado por fernando ribeiro às 03:55
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
|  O que é?

.Fotos Fer.Ribeiro - Flickr

frproart's most interesting photos on Flickriver

.meu mail: blogchavesolhares@gmail.com

.Setembro 2017

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
14

22
23

24
25
26
27
28
29
30


.pesquisar

 
ouvir-radioClique no rádio para sintonizar

 

 

El Tiempo en Chaves

.Facebook

Fernando Ribeiro

Cria o teu cartão de visita Instagram

.subscrever feeds

.favorito

. Solar da família Montalvã...

.posts recentes

. Cela - Chaves - Portugal

. Cela - Chaves - Portugal

. O Barroso aqui tão perto…...

. Aldeias de Chaves - Portu...

. Mosaico da freguesia da C...

blogs SAPO

.Blog Chaves no Facebook

.Veja aqui o:

capa-livro-p-blog blog-logo

.Olhares de sempre

.links

.tags

. todas as tags

.arquivos

. Setembro 2017

. Agosto 2017

. Julho 2017

. Junho 2017

. Maio 2017

. Abril 2017

. Março 2017

. Fevereiro 2017

. Janeiro 2017

. Dezembro 2016

. Novembro 2016

. Outubro 2016

. Setembro 2016

. Agosto 2016

. Julho 2016

. Junho 2016

. Maio 2016

. Abril 2016

. Março 2016

. Fevereiro 2016

. Janeiro 2016

. Dezembro 2015

. Novembro 2015

. Outubro 2015

. Setembro 2015

. Agosto 2015

. Julho 2015

. Junho 2015

. Maio 2015

. Abril 2015

. Março 2015

. Fevereiro 2015

. Janeiro 2015

. Dezembro 2014

. Novembro 2014

. Outubro 2014

. Setembro 2014

. Agosto 2014

. Julho 2014

. Junho 2014

. Maio 2014

. Abril 2014

. Março 2014

. Fevereiro 2014

. Janeiro 2014

. Dezembro 2013

. Novembro 2013

. Outubro 2013

. Setembro 2013

. Agosto 2013

. Julho 2013

. Junho 2013

. Maio 2013

. Abril 2013

. Março 2013

. Fevereiro 2013

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Setembro 2012

. Agosto 2012

. Julho 2012

. Junho 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Fevereiro 2012

. Janeiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Outubro 2011

. Setembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Maio 2011

. Abril 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Janeiro 2007

. Dezembro 2006

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Novembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

Add to Technorati Favorites