Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

CHAVES

Olhares sobre a cidade de Chaves

Chaves - Tabolado à Beira Rio

29.11.05 | Fer.Ribeiro
2157-bl.jpg
Se a Primavera e o Verão tem os seus encantos , o Outono e o Inverno também os tem. Se um passeio à beira rio, à sombra das árvores, de Verão sabe bem, no Outono, com as árvores despidas e água transparente no rio também o sabe.

Mas mais que os passeios à beira rio, o Tabolado para o pessoal da minha geração, tem um significado especial. O Tabolado era o jardim do namoro e claro, dos namorados. Não há, pela certa, casal de namorados da minha geração que não tivesse passado pelo Tabolado. Ma isso foi no tempo em que o jardim era apenas jardim. Com o tempo, aos poucos, o jardim foi morrendo, ou melhor, foi sendo assassinado. Primeiro com a construção das piscinas, depois com os campos de ténis e edifício de apoio (que mais tarde veio a ser bar (morrendo como T Bar) e até feiras de santos foram feitas naquele jardim. Em suma, além de abandonado, foi mal amado e mal tratado.

Com o POLIS, o jardim promete regressar. As piscinas e os campos de ténis (está em projecto) serão demolidos e o jardim voltará um dia a ser jardim. Contudo, e esta é uma opinião pessoal, o Tabolado nunca virá a ser o Tabolado de outrora e, falta um bocadinho de sentimento flaviense nas obras ainda previstas, mas repito, isto é a minha opinião pessoal e até poderei estar enganado, o tempo o dirá.

3 comentários

Comentar post