Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

CHAVES

Olhares sobre a cidade de Chaves

Uma imagem e uma ode

09.02.07 | Fer.Ribeiro

.

ODE

 

(RICARDO REIS)

 

Não só quem nos odeia ou nos inveja

Nos limita e oprime; quem nos ama

Não menos nos limita.

Que os deuses me concedam que, despido

De afectos, tenha a fria liberdade

Dos píncaros sem nada.

Quem quer pouco, tem tudo; quem quer nada

É livre; quem não tem, e não deseja,

Homem, é igual aos deuses.

 

(1930)

 

 

Espero que a imagem e o poema vos digam alguma coisa… pois da minha parte, o cansaço, apenas me permite mais uma linha:

 

Até amanhã numa aldeia do concelho.