Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

CHAVES

Olhares sobre a cidade de Chaves

Chaves, Rua Direita - O Feio que é bonito

31.05.07 | Fer.Ribeiro

Feio & Bonito Ldª

 

.

 

Sem querer entrar em contradição, hoje deixo-vos com uma imagem feia que é bem bonita.
 
No contexto da Rua Direita, onde está inserida, é uma imagem feia e que em nada engrandece (antes pelo contrário) uma rua tão nobre e bonita como a Rua Direita. É um prédio que há muito está a pedir obras de restauro. Claro que falar, ou neste caso escrever, é fácil, mas estamos muito longe de saber as razões do porque haver assim construções degradadas no centros histórico e do complicado e caro que é restaurar no centro histórico de Chaves. Já várias vezes o disse aqui e repito, que neste tipo de reconstruções, deveria haver além de incentivos (monetários), algumas facilidades e até ajudas (logísticas), e as entidades envolvidas no licenciamento, que burocraticamente só complicam, deveriam ter outra filosofia e por à disposição, gratuitamente, os seus serviços na ajuda e na recuperação do Centro Histórico, porque se este e outros prédios têm um proprietário, a propriedade das vistas ou do olhar que recai sobre estas construções, e do património arquitectónico e histórico é de todos nós e até poderia ser da humanidade se as mentes que nos comandam fossem mais levezinhas. E fico-me por aqui…
 
Mas a degradação dos prédios deixa também à vista algumas preciosidades das construções centenárias, como são os tabiques, os estuques, e toda uma arte da construção antiga onde cimento e betão eram palavras proibidas e desconhecidas até, e onde a pedra, a madeira e o ferro, eram reis e rainhas, tudo trabalhado à mão, onde pormenores como os dos tabiques, devidamente emoldurados e enquadrados davam verdadeiras obras de arte, para não falar de verdadeiras obras de estruturas em madeira, “obras de arte” da engenharia, que hoje já não constam de nenhum manual. É aqui, que o feio é bonito.

1 comentário

Comentar post