Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

CHAVES

Olhares sobre a cidade de Chaves

...

09.07.07 | Fer.Ribeiro

 

.

 

Andava aqui à volta do post de hoje quando os foguetes me fizeram lembrar que hoje é o dia 8 de Julho, o dia em que é feriado municipal, o dia em que se pretende que seja o dia da cidade e o dia das “festas da cidade”, mas só isso, pois festa sem tradição, não é festa e o 8 de Julho não tem tradição de festa. Que me desculpem os republicanos puristas de castas e de raças que querem dar ao 8 de Julho a importância que não tem. E não me compreendam mal, pois o 8 de Julho no contexto histórico republicano tem a sua importanciazinha, mas não tem a importância suficiente para fazer dele o dia da cidade de Chaves. Pergunte-se a um comum flaviense o que aconteceu no dia 8 de Julho e irão ficar surpreendidos com a resposta e, por aqui me fico, mas já agora fiquem também a saber (na minha opinião) que as verdadeiras festas da cidade são as da Feira dos Santos, que essas sim, têm tradição e são as verdadeiras festas da cidade de Chaves. Haja coragem para admiti-lo, pela minha parte, desde sempre que assim é!
 
Mas hoje queria mesmo era debruçar-me ainda sobre as maravilhas de Chaves e congratular-me com os resultados da votação e com a sensibilidade de quem votou. Fiquei feliz por saber, que mesmo maltratado como tem sido, o nosso Centro Histórico ficou entre as 7 maravilhas de Chaves, pois as restantes maravilhas já eram mais ou menos adivinhadas pela autenticidade das maravilhas que são. Mas fiquei também feliz por saber que houve gente que votou no Rio Tâmega, na Veiga de Chaves, nos vestígios de Aquae Flaviae por descobrir, nas muralhas e em pormenores do nosso centro histórico como as praças de Camões e da República, o Largo do Arrabalde e algumas das nossas ruas mais típicas como a Rua Direita, Rua de Stª Maria, Rua do Correio Velho, etc. Fique também feliz (e triste) por saber que o antigo Jardim das Freiras também receberam votos a titulo póstumo, mas sobretudo fiquei feliz por saber que a verdadeira maravilha da cidade de Chaves é a própria cidade de Chaves.
 
Pois hoje fico-me por aqui com a imagem daquela que foi eleita como a 2ª maravilha de Chaves, a Torre de Menagem à qual temos que inevitavelmente associar os jardins que a rodeiam e também o museu militar que lhe vai dando vida, não é por mero acaso que a 1ª maravilha é a nossa Top Model e a segunda é o nosso Actor Principal.
 
Nesta votação só foi pena que ninguém se tivesse lembrado como uma das nossas maravilhas, que tanto nos condicionam e tanto fazem parte da nossa vida, das montanhas, montes e serras como o Deus Brunheiro, mas faço-o eu, e além das 7 maravilhas que até são 8, fica a minha nona maravilha que é o Brunheiro, montanhas e montes que nos entalam neste vale de Chaves.
 
Até amanhã, numa qualquer maravilha de Chaves.