Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

CHAVES

Olhares sobre o "Reino Maravilhoso"

06
Mar10

Ontem, Hoje e depois - Artistas e Exposições Flavienses


Ontem, no Porto

.

 

.

 

Mais uma exposição do Mestre Nadir Afonso. Pré-Inaugurou ontem e está patente ao público na Galeria AP’ARTE, na Rua Miguel Bombarda, 221 no Porto.

 

Hoje, em Vila Real

.

 

.

É urgente sonhar!

 

Inaugura hoje às 21.30 horas na Sala de Exposições do Teatro de Vila Real, uma Exposição de Eurico Borges intitulada « É URGENTE SONHAR» e estará patente ao público até 31 de Março.

 

Depois, em Vidago

 

.

 

.

 

Para as 15.30 hora do próximo dia 20 de Março, na Galeria Maria Priscila em Vidago, inaugura uma exposição comemorativa do Centenário da chegada do Comboio a Vidago. A exposição é de autoria de Júlio Silva, nosso colega da blogosfera flaviense autor do Meu Vidago .

06
Mar10

Mosaico da Freguesia de Vila Verde da Raia

 .

Localização:

A 10 km da cidade de Chaves, a Norte desta, no limite do concelho confrontante com a raia (Galiza-Espanha), situa-se numa faixa de território da veiga de Chaves confrontante com a margem esquerda do Rio Tâmega.

 

Confrontações:

Confronta (ao longo do Rio Tâmega) com a freguesia de Outeiro Seco, a Norte com a Galiz/Espanha, a NE com a freguesia de Lamadarcos, a Este com a freguesia de Stº António de Monforte e a Sul com a freguesia de Stº Estevão.

 

Coordenadas: (Adro da Igreja de Anelhe)

41º 47’ 23.62”N

7º 25’ 31.10”W

.

.

 

Altitude:

Variável – acima dos 350m e Abaixo dos 400m

 

Orago da freguesia:

Nossa Senhora das Neves

 

Área:

9.54 km2.

 

Acessos (a partir de Chaves):

– Estrada Nacional nº103 e 103-5, ou seja a estrada das grandes rectas que atravessam toda a Veiga de Chaves.

Em alternativa a ligação poder-se-á fazer via Outeiro Seco pela Est. Municipal 506 entre Chaves e Outeiro Seco, e a partir daqui pelo Caminho Municipal 1060.

Um terceiro acesso, via auto estrada A27, com nó de saída próximo da fronteira.

 

.

 

.

 

 

Aldeias da freguesia:

            - Vila Verde da Raia é a única aldeia da freguesia

           

 

População Residente:

            Contrariamente ao que é habitual, só existem dados da freguesia a partir do ano (Censos) de 1970, isto porque até 28 de Outubro de 1969, Vila Verde da Raia era pertença da Freguesia de Stº Estêvão, passando a freguesia autónoma pelo Decreto-Lei nº 49325, da data atrás referida.

 

Assim, apenas estão em análise os dados dos 4 últimos censos em que Vila Verde da Raia apresenta uma linha de tendência de crescimento da sua população residente, embora hoje (últimos censos) possua menos habitantes que em 1981. Mas penso que a tendência será subir, ou pelo menos manter,  a sua população, pelas razões já conhecidas de ser uma freguesia do Vale de Chaves, proximidade da fronteira e bons acessos.

 

Em 1970 – 760 hab.

            Em 1981 – 891 hab.

Em 1991 – 844 hab.

Em 2001 – 855 hab.

 

.

.

 

Principal actividade e particularidades:

- Desde sempre que tem sido a agricultura, facilitada pelas terras planas e feiteis do Vale de Chaves. Actividade que era partilhada com o contrabando até à entrada de Portugal na CEE e a abolição de fronteiras.

 

Actualmente também o comércio de mobiliário, com grandes armazéns implantados ao longo da Estrada Nacional até à Fronteira, além de outro comércio menos significativo, são um factor importante na actividade da freguesia. Restaurantes, cafés, e discotecas, também têm sido ao longo dos anos outro sector de actividade. A panificação é conhecida desde sempre.

 

Além das actividade atrás apontadas, grande número da sua população trabalha fora da aldeia, principalmente na cidade, fazendo da aldeia um dormitório, mas mantendo o cultivo dos terrenos agrícolas que possuem.

 

Em termos agrícolas, possuem terras onde quase todas as culturas da região se dão bem, mas predomina a batata, o centeio e o milho, além de todos os produtos hortícolas cultivados mais próximos do “núcleo” habitacional.

 

.

.

 

Em termos de ocupação do casario, inicialmente limitado a dois núcleos bem definidos, o de Vila Verde da Raia e o da Fronteira, hoje expande-se ao longo de toda a Estrada Nacional (fora da veiga) quase ao longo de 4 km e em novos bairros de periferia, privilegiando sempre, e muito bem, as terras fora do vale em terrenos levemente inclinados dos pequenos maciços montanhosos que possui, antes ocupados por alguma floresta.

 

A ligação desta freguesia ao Rio Tâmega também tem sido ao longo dos tempos importante, antigamente, ainda com as puras e límpidas águas, onde os pescadores se regalavam na pesca das bogas, escalos, barbos e trutas. Hoje, com a saúde do rio fragilizada, não sei. Saúde do rio que acabou de vez com a praia fluvial do açude, onde o Ministério do Ambiente desaconselha a sua utilização como tal. Talvez uma antecipação do início sem retorno ou definitivo da morte de um rio, com as barragens que se aproximam, e que, conhecendo como conhecemos o(s) poder(es) e a apatia do povo, vão ser mesmo construídas em detrimento dos povos ribeirinhos e do ambiente.   

.

.

Açude que foi por excelência a praia dos flavienses dos anos 60 e 70 em que toda uma geração passou por lá com bons e inesquecíveis momentos.

 

É em Vila Verde da Raia que começa Portugal, pelo menos para aqueles que anualmente entra em Portugal, emigrantes, de regresso à terrinha, pela certa para passarem o melhor mês do ano. Mas também foi ao longo da história terra de entrada e saída de invasões e fugas, historicamente mais associada a este tipo de movimentações, como ao 8 de Julho de 1912,  do que a antigos povoamentos, embora haja algumas referências aos mesmos e a achados.

.

.

Antes de terminar, aqui, pois no site de Vila Verde da Raia poderá encontrar muita informação sobre a freguesia, em:

http://www.vilaverdedaraia.com/site/inicio.php

queria referir e deixar uma palavra de apreço para a Banda de Música de Vila Verde da Raia, que ao longo dos anos tantos arraiais populares das nossas aldeias tem abrilhantado.


 

Linck para os posts neste blog dedicados à freguesia:

 

            - Vila Verde da Raia

 

 

 

 

 

 

Sobre mim

foto do autor

Pesquisar

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

 

 

15-anos

Links

As minhas páginas e blogs

  •  
  • FOTOGRAFIA

  •  
  • Flavienses Ilustres

  •  
  • Animação Sociocultural

  •  
  • Cidade de Chaves

  •  
  • De interesse

  •  
  • GALEGOS

  •  
  • Imprensa

  •  
  • Aldeias de Barroso

  •  
  • Páginas e Blogs

    A

    B

    C

    D

    E

    F

    G

    H

    I

    J

    L

    M

    N

    O

    P

    Q

    R

    S

    T

    U

    V

    X

    Z

    capa-livro-p-blog blog-logo

    Comentários recentes

    • Anónimo

      aldeia mais linda portugal

    • Anónimo

      Felizes são vocês , da minha sempre querida Chaves...

    • Fer.Ribeiro

      Obrigado pelo seu comentário, de facto o Barroso é...

    • Fer.Ribeiro

      A história da nossa cidade de Chaves é muito simpl...

    • Bete do Intercambiando

      Mil desculpas pelo erro. Depois que enviei a mensa...

    FB