Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

CHAVES

Olhares sobre o "Reino Maravilhoso"

20
Jul10

Pedra de Toque - Os nossos Médicos de antigamente, por António Roque

 

.

 

 

Os nossos Médicos de antigamente

 

 

 

 

O país transformou-se.


Chaves cresceu e a população aumentou significativamente.


Daquela cidade pequena, tranquila, onde o forasteiro era de imediato reconhecido, resta a natural saudade.


Há, mais ou menos quarenta/cinquenta anos, os cuidados médicos de saúde das gentes da terra e do concelho, estavam nas mãos de poucos clínicos, todos eles distintos, competentes e abnegados.


Hoje, e ainda bem que assim acontece, várias dezenas proliferaram, colocando o seu saber, as suas especialidades, os seus meios técnicos evoluídos – não tantos como seria de desejar – ao serviço das populações.


Parece-me, contudo, oportuno, aqui e agora, a recordação grata do trabalho prestado durante esses anos ao nosso povo, por um punhado de homens, que semearam saber, combateram a dor, minoraram o sofrimento, lutando pelo bem estar, em condições extremamente difíceis e de uma forma generosa, sempre amiga, carinhosa mesmo.


.

.

 

Todos eles com raízes no nosso burgo ou na nossa região, desempenharam trabalho deveras meritório, como os doutores Mário Carneiro, Espírito Santo Esteves e Montalvão Machado, este ainda entre nós.


Outros, como o bom do Dr. João Morais, curador de tantas tísicas, e o Dr. Cipriano Costa, obreiro de “milagrosas” intervenções cirúrgicas, já infelizmente nos deixaram.


Por fim outros houve, imagens vivas nas nossas memórias, que pelas caminhadas difíceis que percorreram, entre montes e penhascos, pelo bem que espalharam, levando o alivio aos homens e mulheres da cidade e das aldeias, evoco-os com nostalgia e chamando assim à colação os nomes dos Drs. Figueiredo Fernandes, Alcino Morais e Teles Grilo.


Sem análises, sem meios sofisticados de diagnóstico, cuidavam os seus doentes, trabalhando incansavelmente, sempre com dedicação, com saber, com humanismo e com ternura.


Ao lembrá-los, ao enaltecer o seu esforço e o seu talento, pretendo somente deixar no papel um informal agradecimento, uma profunda, modesta mas sentida e respeitosa homenagem.

 

 

António Roque

Sobre mim

foto do autor

Pesquisar

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

 

 

15-anos

Links

As minhas páginas e blogs

  •  
  • FOTOGRAFIA

  •  
  • Flavienses Ilustres

  •  
  • Animação Sociocultural

  •  
  • Cidade de Chaves

  •  
  • De interesse

  •  
  • GALEGOS

  •  
  • Imprensa

  •  
  • Aldeias de Barroso

  •  
  • Páginas e Blogs

    A

    B

    C

    D

    E

    F

    G

    H

    I

    J

    L

    M

    N

    O

    P

    Q

    R

    S

    T

    U

    V

    X

    Z

    capa-livro-p-blog blog-logo

    Comentários recentes

    FB