Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

CHAVES

Olhares sobre o "Reino Maravilhoso"

13
Abr14

Torre de Ervededo - Chaves - Portugal

 

O fim-de-semana quase a acabar e as nossas aldeias ainda não tinham marcado aqui presença. Pois é, o sol apareceu com uma intensidade convidativa para andar na rua e viver as coisas ao vivo, deixando  o computador e a internet de lado, e depois, é preciso sair à rua para ter imagens novas para deixar aqui.

 

 

A noite caiu e cá estamos de novo, não com as imagens da recolha de hoje, mas com imagens que já tiveram o repouso e estágio devido para delas sacarmos o que verdadeiramente interessa, pois às vezes, o momento do clique e o momento da publicação estão tão próximos, que a imagem publicada atraiçoa-nos, tudo porque ainda temos fresco o momento de ter vivido a imagem ao vivo.

 

 

As imagens de hoje são da Torre de Ervededo e na continuação da conversa do parágrafo anterior, são imagens de dezembro passado. Imagens que escaparam à primeira seleção publicada ainda a quente.

 

 

13
Abr14

Pecados e picardias

 

A Taverna

 

Olhou à volta a controlar

As rodadas todas pagas

Já tinham saído os da quezília

O doutor, o patrão a resmungar

Segredos de antigas sagas?...

Qual história familiar?

 

Nada que a noite não desvende

Degredos ávidos por desabar

Em desabafos embriagados

Que só o álcool assume e defende

Em segredos a desabrochar

Na impiedosa  noite a coscuvilhar…

 

Não tinha nada a ver com isso

Desde que pagassem a conta

E não fizessem nenhum reboliço

Ali todos tinham história

Quem se importa?

 

Sentiu a porta

Hoje não conseguia disfarçar

A ansiedade de O ver a entrar

Oh! Que sorte

O maluco ,só p´ra chatear

 

Estás engraçado com esse penteado no ar

Onde andaste? Vis-te lobo?

A Bertinha que te veja nessa figura de pasmar

E olha que ela está de todo…

 

Toma lá um pão e um bolo de bacalhau

Mais um leitinho com cacau…riu…

Leite? Diz o maluco com ar de mau

Leite? Fez cara feia e cuspiu

Leite precisas tu… mas é no pirilau

 

Ah ! maluco malcriado

Vê lá com quem estás a falar

Dou-te mas é um “bofardo”

Se dizes essas bojardas sem te calar

Vais pastar comer ao prado

 

Nisto ouviram a voz dela

Que conversa é esta? Estais na taverna?

Ai… o respeitinho, acena

Um gesto de ameaçar exclusivo dela

Só abana a cabeça e chega

 

Isabel Seixas

Sobre mim

foto do autor

320-meokanal 895607.jpg

Pesquisar

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

 

 

Links

As minhas páginas e blogs

  •  
  • FOTOGRAFIA

  •  
  • Flavienses Ilustres

  •  
  • Animação Sociocultural

  •  
  • Cidade de Chaves

  •  
  • De interesse

  •  
  • GALEGOS

  •  
  • Imprensa

  •  
  • Aldeias de Barroso

  •  
  • Páginas e Blogs

    A

    B

    C

    D

    E

    F

    G

    H

    I

    J

    L

    M

    N

    O

    P

    Q

    R

    S

    T

    U

    V

    X

    Z

    capa-livro-p-blog blog-logo

    Comentários recentes

    • Anónimo

      Assisti a construção das aldeias de Criande e Alde...

    • Cláudia Luís

      Ola bom dia gostaria de saber a morada e o contato...

    • Amiel Bragança

      Com um Abraço votos de Santa Páscoa.Amiel Bragança

    • Anónimo

      Que bom sabermos particularidades da vida de um gr...

    • Fer.Ribeiro

      Obrigado pelo comentário. Em relação ao Chaves Ant...

    FB