Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

CHAVES

Olhares sobre o "Reino Maravilhoso"

15
Jul14

Intermitências

 

 

Os robôs não me dão medo

 

Os robôs não me dão medo.

 

Se eu quiser, deixo de ser máquina. Se eu quiser, sou mais forte do que os automatismos. Se eu quiser, renuncio a tudo.

 

Os robôs não me dão medo.

 

Qual a diferença entre desejo e obsessão? Não quero mais autocensurar-me, mentir-me, frustrar-me.

 

 

Teatro-Museu Dalí, Figueres, Abril 2014 - Fotografia de Sandra Pereira

 

Os robôs não me dão medo.

 

Eu vivo entre eles. Eu sou um deles. Um dia chegará o dia em que vou anunciar que os robôs não me dão medo.

 

É uma questão de vontades.

 

Os robôs não me dão medo.

 

A solidão sim.

 

Sandra Pereira

 

 

Sobre mim

foto do autor

320-meokanal 895607.jpg

Pesquisar

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

 

 

Links

As minhas páginas e blogs

  •  
  • FOTOGRAFIA

  •  
  • Flavienses Ilustres

  •  
  • Animação Sociocultural

  •  
  • Cidade de Chaves

  •  
  • De interesse

  •  
  • GALEGOS

  •  
  • Imprensa

  •  
  • Aldeias de Barroso

  •  
  • Páginas e Blogs

    A

    B

    C

    D

    E

    F

    G

    H

    I

    J

    L

    M

    N

    O

    P

    Q

    R

    S

    T

    U

    V

    X

    Z

    capa-livro-p-blog blog-logo

    Comentários recentes

    • Anónimo

      Assisti a construção das aldeias de Criande e Alde...

    • Cláudia Luís

      Ola bom dia gostaria de saber a morada e o contato...

    • Amiel Bragança

      Com um Abraço votos de Santa Páscoa.Amiel Bragança

    • Anónimo

      Que bom sabermos particularidades da vida de um gr...

    • Fer.Ribeiro

      Obrigado pelo comentário. Em relação ao Chaves Ant...

    FB