Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

CHAVES

Olhares sobre o "Reino Maravilhoso"

26
Out14

Pecados e picardias

pecados e picardias copy

 

Dos amores sem sentimentos

 

Pela tempestade que vamos

Da paixão maiores tormentos

alma sofrida de enganos

dos amores sem sentimentos

 

Tropeçamos de incertezas

da esperança, a descoberto

Choro lágrimas e tristezas

Por nada fazer, de erro certo

 

Pela tempestade que vamos

Da paixão maiores tormentos

alma sofrida de enganos

dos amores sem sentimentos

 

vida sem sabor, papel de jornal

sem noticia de ti, escrito

com um lápis que escreveu mal,

procurei ler o que não foi dito

 

Pela tempestade que vamos

Da paixão maiores tormentos

alma sofrida de enganos

dos amores sem sentimentos

 

passei pro outro lado do tempo

por força da circunstância

com a névoa do desalento

e o medo por fragância

 

Pela tempestade que vamos

Da paixão maiores tormentos

alma sofrida de enganos

dos amores sem sentimentos

 

Dos amores sem sentimentos

Herdei os melhores momentos…

 

Isabel seixas in Espólio

26
Out14

Outros Olhares - As Feiras dos Santos

outros olhares.jpg

Feira dos Santos 2011

É, estamos a entrar na semana da Feira dos Santos, aliás o cheiro a farturas e castanhas assadas já povoam as ruas da cidade há coisa de duas semanas e as diversões fazem com que a estudantada ande mais excitada, e que saudades eu tenho dessas excitações, as das diversões, pois quanto às castanhas e farturas, como não poderia deixar de ser, já marcharam algumas.

1600-santos-2011 (149)

Farturas e castanhas, só falta mesmo chegar o dia 31 para irmos ao pulpo ou ao polvo galega, que já faz tradição na Feira dos Santos. E por falar em coisas boas de comer, e também como de vez em quando gosto de deixar por aqui umas ideias, porque não, Chaves, certificar o “Polvo à Galega”, coisa que não é descabida de todo, pois além do polvo já há anos fazer parte do programa da Feira dos Santos (veja-se o programa deste ano, às 12H00 do dia 31, onde diz: 12H00 – Festival gastronómico do polvo,  existe também a Eurocidade Chaves-Verin e o pulpo passa assim a estar também na nossa área geográfica, e mesmo que não estivesse, poderíamos seguir o exemplo de Montalegre ao incluírem na certificação do presunto do Barroso, o concelho de Chaves como uma das áreas da sua produção. Rapaziada, pensem nisso, e até podem dizer que a ideia é vossa, que eu não me importo.

1600-santos-2011 (498)

Mas enfim, ideias à parte, falemos do tempo, que nos Santos de 2011 foi porreiro, em que os mais corajosos ou acalorados andaram de manga curta. Este ano também promete, vamos lá ver para onde o S.Pedro vira. Sexta-feira logo se verá.

1600-santos-2011 (3)

 Pois hoje ficam por aqui algumas imagens de 2011. Um pouco de tudo onde nunca poderá faltar a feira e concurso do gado. E fica a novidade - este ano além dos bois e das “bacas” também vamos ter pela primeira vez o concurso de, com vossa licença, os recos da raça bisara, mas não se fica por aí em termos de animais, pois também vai haver chega de bois e corrida de cavalos. Já agora, que hoje estou com boas ideias, fica mais uma para o próximo ano: Um concurso do burro mirandês, ou se calhar, para se começar, iniciava-se mesmo com os burros de Chaves. Mais uma, e aproveitem-na que eu não me importo e, se necessário for, até cedo algumas fotografias para a publicidade, pois tenho muitos burros de cá fotografados.

1600-santos-2011 (242)

É, os Santos têm a sua magia, para crianças e adultos e todos nós temos boas recordações dos Santos. Eu por exemplo guardo como boas recordações as dos bailes dos Santos no salão dos bombeiros, das noitadas da noite do 31 ou se preferirem, da madrugada do dia 1 de novembro, do tempo em que novembro ainda se escrevia em bom português com N grande e era feriado, e os de Lisboa, embora também fizessem das deles, não mentiam descaradamente. Mas isso era no tempo em que ainda havia estadulhos nos carros de bois e carros de bois. Bois, felizmente ainda vão havendo, talvez não tantos como boys, mas ainda os há, e a nossa feira é uma prova que os há, maroneses, barrosões e mirandeses. Já agora fica mais uma ideia – Porque não promovermos também o boi brunheirês…

1600-santos-2011 (266)

Esta do brunheirês até tinha piada. Já sei que deste tipo de gado não percebo nada, mas tenho andado a estudar umas coisas e sei perfeitamente que a raça brunheirês não existe, mas poderia passar a existir, pois bastava cruzar a raça barrosã com a maronesa e por as crias a pastar no Brunheiro, depois era só pedir aos nossos eleitos pelo circulo, que estão em Lisboa, à nossa deputada por exemplo, que arranjasse por lá um amigo influente nessa coisa das certificações, et voilà, tínhamos o boi brunheirês, nem que para isso fosse preciso abrir-lhes o apetite com um presunto de Chaves, daqueles bons que se compram ali em feces.

1600-santos-2011 (283)

É pá, hoje estou mesmo com ideias brilhantes. O melhor é mesmo ficar-me por aqui, pois com tanta ideia boa ainda corro o risco de me convidarem para um desses lugares importantes em que se tem de usar fato e gravata, e depois era uma chatice, além de não gostar de andar com a coleira porque me aflige andar de pescoço apertado, o fato dos casamentos já não me serve…

1600-santos-2011 (346)

Fiquemo-nos então pelas imagens da Feira dos Santos de 2011. Amanhã venho com as de 2012, depois com as de 2013. A partir de aí, prometo-vos fotografias fresquinhas, deste ano.

1600-santos-2011 (462)-pb

Até mais logo, pois hoje ainda vamos ter por aqui “Pecados e Picardias”.

 

 

26
Out14

Seara Velha, mais uma vez...

1600-seara-velha (821)

 Hoje vamos mais uma vez até Seara Velha, uma das aldeias onde sempre que vamos temos a certeza de que trazemos novidades em imagem, e tudo, porque Seara Velha é assim, em cada rua, esquina ou beco, há sempre motivos de interesse para registar em imagem.

1600-seara-velha (845)

 Além disso dá um jeitão a este blog Seara Velha ser assim fotogénica, pois nos momentos de menos inspiração na procura de imagens para trazer aqui, ou nos momentos em que o tempo não abunda para fazer essas procuras, basta entrar no arquivo Seara Velha e quase posso ir a eito na seleção de imagens.

1600-seara-velha (835)

 É por estas razões mas também pela simpatia de quem nos recebe, que gostamos de ir por lá amiúde. E por falar no assunto, já há um tempito que não vamos por lá. Um dia destes lá calhará mais uma ida, pois de certeza que haverá motivos que ainda aguardam o registo e a atenção de um olhar.

 

 

Sobre mim

foto do autor

320-meokanal 895607.jpg

Pesquisar

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

 

 

Links

As minhas páginas e blogs

  •  
  • FOTOGRAFIA

  •  
  • Flavienses Ilustres

  •  
  • Animação Sociocultural

  •  
  • Cidade de Chaves

  •  
  • De interesse

  •  
  • GALEGOS

  •  
  • Imprensa

  •  
  • Aldeias de Barroso

  •  
  • Páginas e Blogs

    A

    B

    C

    D

    E

    F

    G

    H

    I

    J

    L

    M

    N

    O

    P

    Q

    R

    S

    T

    U

    V

    X

    Z

    capa-livro-p-blog blog-logo

    Comentários recentes

    • Anónimo

      Assisti a construção das aldeias de Criande e Alde...

    • Cláudia Luís

      Ola bom dia gostaria de saber a morada e o contato...

    • Amiel Bragança

      Com um Abraço votos de Santa Páscoa.Amiel Bragança

    • Anónimo

      Que bom sabermos particularidades da vida de um gr...

    • Fer.Ribeiro

      Obrigado pelo comentário. Em relação ao Chaves Ant...

    FB