Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

CHAVES

Olhares sobre o "Reino Maravilhoso"

13
Nov14

Chaves, Praça do Duque, das Igrejas, Capelas e Santa Casa

1600-(41019)

 

O título já diz tudo, ou quase tudo e nas fotos de hoje fica também o título traduzido em imagens, com o Sr. Duque de costas, a Igreja grande, ou Matriz ou de Stª Maria Maior (como preferirem), no seu alçado a sombra da Igreja da Misericórdia e, do lado esquerdo do Sr. Duque, a Capela da Santa Cabeça. Quanto à Santa Casa, não se vê, mas todos sabemos que também está na praça, e há mais, mas para saber bem, nunca podemos dar tudo.

 

1600-(41022)

 

 

 

13
Nov14

Vivências

vivenvias

 

A loucura dos 50% em brinquedos

 

Sábado, 8 de novembro de 2014. São 9h30 da manhã e estou a passar pela zona do centro comercial para me dirigir com o meu carro à oficina para uma operação de manutenção. Admirado, reparo no movimento fora do normal que por ali vai, com uma fila já considerável de carros a entrarem para o parque de estacionamento. Alguns minutos depois, já na oficina, em conversa com o mecânico, fico a saber que neste fim de semana existe uma campanha de desconto de 50% em cartão em todos os brinquedos. Ainda não comemos as castanhas assadas nem provamos o vinho novo, mas já nos bombardeiam com campanhas para comprarmos as prendas de Natal para os mais novos…

 

São agora 10h30 e já saí da oficina, e como tenho umas pequenas compras para fazer aproveito para ir ao hipermercado do centro comercial, mesmo ali ao lado, e é então que me apercebo da verdadeira dimensão do movimento… Como a zona dos brinquedos fica logo à entrada, é quase impossível passar por ali para ir para as outras secções… Só vejo pessoas e mais pessoas, carrinhos de compras com caixas de brinquedos empilhadas até ao cimo e funcionários com porta-paletes a fazerem já a reposição de artigos nalgumas prateleiras… Quase me arrependo de ter vindo, mas lá consigo passar pela multidão para chegar à padaria e à zona das frutas…

 

Refletindo um pouco sobre este episódio, custa-me imenso compreender como é que é possível encher um carrinho de compras só com brinquedos, a maior parte deles com um interesse pedagógico ou lúdico certamente muito discutível. As crianças, é certo, precisamente pelo facto de serem crianças, precisam de brincar… mas precisarão realmente de tudo isto? E para além de brinquedos não precisarão também (e sobretudo) de mais livros e jogos educativos para o seu crescimento? Não precisarão de passar mais tempo com os pais, em família? Não precisarão de mais atenção e mais diálogo?

 

Afinal, o que queremos transmitir aos nossos filhos?

Luís dos Anjos

 

Sobre mim

foto do autor

320-meokanal 895607.jpg

Pesquisar

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

 

 

Links

As minhas páginas e blogs

  •  
  • FOTOGRAFIA

  •  
  • Flavienses Ilustres

  •  
  • Animação Sociocultural

  •  
  • Cidade de Chaves

  •  
  • De interesse

  •  
  • GALEGOS

  •  
  • Imprensa

  •  
  • Aldeias de Barroso

  •  
  • Páginas e Blogs

    A

    B

    C

    D

    E

    F

    G

    H

    I

    J

    L

    M

    N

    O

    P

    Q

    R

    S

    T

    U

    V

    X

    Z

    capa-livro-p-blog blog-logo

    Comentários recentes

    • Anónimo

      Assisti a construção das aldeias de Criande e Alde...

    • Cláudia Luís

      Ola bom dia gostaria de saber a morada e o contato...

    • Amiel Bragança

      Com um Abraço votos de Santa Páscoa.Amiel Bragança

    • Anónimo

      Que bom sabermos particularidades da vida de um gr...

    • Fer.Ribeiro

      Obrigado pelo comentário. Em relação ao Chaves Ant...

    FB