Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

CHAVES

Olhares sobre o "Reino Maravilhoso"

20
Nov16

O Barroso aqui tão perto... São Ane

 

1600-sao-ane (2)

 

montalegre (549)

 

Como quase todos os domingos, vamos até uma aldeia do Barroso de Montalegre. Geralmente na seleção da aldeia a trazer aqui não seguimos qualquer critério, pois a ideia é mesmo que todas as aldeias do Barroso passem por aqui. Nesta primeira fase dedicada às aldeias/localidades do concelho de Montalegre, 132 no total das quais já visitámos 120 e já deixámos aqui 36 posts e mais de 30 aldeias.  

 

1600-sao ane (2)

 

Mas mesmo sem qualquer critério, tentamos variar nas localizações, ou seja, não trazer aqui em dois domingos seguidos aldeias da vizinhas ou da mesma freguesia, mas há sempre exceções e hoje é acontece uma delas, pois a nossa aldeia de hoje é São Ane e no último fim de semana tivemos aqui Xertelo que, em linha reta distam uma da outra cerca de 3 quilómetros, ambas da mesam freguesia e próximas do Rio Cabril, apenas localizadas em margens diferentes. Mas a razão é simples, acontece que estas “incursões” ao Barroso é feita em conjunto com mais dois e às vezes três amigos. Ontem pedi a um deles que escolhesse a aldeia a trazer aqui hoje e ele escolheu – São Ane, pois seja São Ane.

 

1600-sao ane (7)

 

Não sei qual a razão da escolha, talvez pela singularidade do Topónimo que confesso desconhecer a origem, tal como a sua história, pois mais uma vez nas minhas pesquisas pouco ou nada encontrei sobre São Ane. Assim mais uma vez aquilo que aqui deixarmos é fruto da nossa observação no local que visitámos no passado 15 de julho, dia que recordo bem quente, mesmo com o dia já a caminhar para o fim da tarde, num dia em que agendámos a visita a 26 aldeias tendo sido São Ane a nossa 19ª aldeia do dia. Claro que a agenda nunca é para cumprir e a seguir a São Ane só já houve forças para visitar mais duas aldeias.

 

1600-sao ane (3)-1

 

Claro que com esta brevidade com que visitamos as aldeias há sempre alguma coisa que fica de fora, mesmo porque a maioria é a primeira vez que as visitamos, mas mesmo assim tentamos registar o máximo possível para que aqui fique uma ideia geral de como a aldeia é. Mas nem sempre é fácil, principalmente quando a aldeias são pequenas, como é o caso de São Ane e não há muitos motivos para registar.

 

1600-sao ane (6)

 

Mas vamos lá então à aldeia, mais uma da freguesia de Cabril, localizada na margem direita do Rio Cabril, sendo uma das aldeias mais próximas de sede de freguesia que, para um desprevenido poderá mesmo pensar que a aldeia é um bairro de Cabril.

 

mapa-s-ane.jpg

 

Em geral, sendo o Barroso também conhecido por “Terra Fria”, é associado a terras altas de Serras e Montanhas. Mas tal como já disse aqui várias vezes embora o Barroso tenha a sua singularidade é feito de muitas singularidades e se é verdade que o Barroso tem pelo menos 3 das 4 serras mais altas de Portugal Continental e a localidade mais alta de Portugal (Sendim), também é verdade que a base das suas serras às vezes desce à cota dos 200 metros de altitude, como é o caso da Serra do Gerês, onde a aldeia de São Ane se localiza e se implanta entre os 270 e 300 metros de altitude.

 

1600-sao-ane (4)

 

“ Não admira por isso que, nestas funduras quentes e húmidas, Barroso se orgulhe de colher boa fruta, vinho e azeite na freguesia de Cabril.” — É o que consta na página oficial do Município de Montalegre e que nós testemunhámos ser verdade. De facto assim é e, se a croa da serra nos seus 1546 metros de altitude se encontra despida de vegetação nas terras baixas das suas faldas o verde é rei e senhor.

 

1600-sao ane (5)

 

Nestas visitas breves nunca há tempo para tudo e há sempre alguma coisa que fica de fora. Penso que uma descida até ao Rio Cabril seria obrigatório, mas também convém não ver tudo de uma vez, assim ficamos sempre com um pretexto para um dia completarmos a visita.

 

1600-sao ane (3)

 

 E como de costume ficam os créditos para as nossas consultas.

 

Na WEB:

http://www.cm-montalegre.pt/

 

Links para anteriores abordagens do Blog Chaves a localidades e temas do Barroso:

A Água - http://chaves.blogs.sapo.pt/o-barroso-aqui-tao-perto-a-agua-1371257

Amiar - http://chaves.blogs.sapo.pt/o-barroso-aqui-tao-perto-amiar-1395724

Cepeda - http://chaves.blogs.sapo.pt/o-barroso-aqui-tao-perto-cepeda-1406958

Donões - http://chaves.blogs.sapo.pt/o-barroso-aqui-tao-perto-donoes-1446125

Fervidelas - http://chaves.blogs.sapo.pt/o-barroso-aqui-tao-perto-fervidelas-1429294

Fiães do Rio - http://chaves.blogs.sapo.pt/o-barroso-aqui-tao-perto-fiaes-do-1432619

Frades do Rio - http://chaves.blogs.sapo.pt/o-barroso-aqui-tao-perto-frades-do-1440288

Gralhas - http://chaves.blogs.sapo.pt/o-barroso-aqui-tao-perto-gralhas-1374100

Lapela   - http://chaves.blogs.sapo.pt/o-barroso-aqui-tao-perto-lapela-1435209

Meixedo - http://chaves.blogs.sapo.pt/o-barroso-aqui-tao-perto-meixedo-1377262

O colorido selvagem da primavera http://chaves.blogs.sapo.pt/o-barroso-aqui-tao-perto-o-colorido-1390557

Olhando para e desde o Larouco - http://chaves.blogs.sapo.pt/o-barroso-aqui-tao-perto-olhando-1426886

Padornelos - http://chaves.blogs.sapo.pt/o-barroso-aqui-tao-perto-padornelos-1381152

Padroso - http://chaves.blogs.sapo.pt/o-barroso-aqui-tao-perto-padroso-1384428

Paio Afonso - http://chaves.blogs.sapo.pt/o-barroso-aqui-tao-perto-paio-afonso-1451464

Parafita: http://chaves.blogs.sapo.pt/o-barroso-aqui-tao-perto-parafita-1443308

Paredes - http://chaves.blogs.sapo.pt/o-barroso-aqui-tao-perto-paredes-1448799

Pedrário - http://chaves.blogs.sapo.pt/o-barroso-aqui-tao-perto-pedrario-1398344

Pomar da Rainha - http://chaves.blogs.sapo.pt/o-barroso-aqui-tao-perto-pomar-da-1415405

Sendim -  http://chaves.blogs.sapo.pt/o-barroso-aqui-tao-perto-sendim-1387765

Solveira - http://chaves.blogs.sapo.pt/o-barroso-aqui-tao-perto-solveira-1364977

Stº André - http://chaves.blogs.sapo.pt/o-barroso-aqui-tao-perto-sto-andre-1368302

Tabuadela - http://chaves.blogs.sapo.pt/o-barroso-aqui-tao-perto-tabuadela-1424376

Telhado - http://chaves.blogs.sapo.pt/o-barroso-aqui-tao-perto-telhado-1403979

Travassos da Chã - http://chaves.blogs.sapo.pt/o-barroso-aqui-tao-perto-travassos-1418417

Um olhar sobre o Larouco - http://chaves.blogs.sapo.pt/2016/06/19/

Vilar de Perdizes - http://chaves.blogs.sapo.pt/o-barroso-aqui-tao-perto-vilar-de-1360900

Vilar de Perdizes /Padre Fontes - http://chaves.blogs.sapo.pt/o-barroso-aqui-tao-perto-vilar-de-1358489

Vilarinho de Negrões - http://chaves.blogs.sapo.pt/o-barroso-aqui-tao-perto-vilarinho-1393643

São Pedro - http://chaves.blogs.sapo.pt/o-barroso-aqui-tao-perto-sao-pedro-1411974

Sendim -  http://chaves.blogs.sapo.pt/o-barroso-aqui-tao-perto-sendim-1387765

Solveira - http://chaves.blogs.sapo.pt/o-barroso-aqui-tao-perto-solveira-1364977

Stº André - http://chaves.blogs.sapo.pt/o-barroso-aqui-tao-perto-sto-andre-1368302

Vilar de Perdizes - http://chaves.blogs.sapo.pt/o-barroso-aqui-tao-perto-vilar-de-1360900

Vilar de Perdizes /Padre Fontes - http://chaves.blogs.sapo.pt/o-barroso-aqui-tao-perto-vilar-de-1358489

Vilarinho de Negrões - http://chaves.blogs.sapo.pt/o-barroso-aqui-tao-perto-vilarinho-1393643

Xertelo - http://chaves.blogs.sapo.pt/o-barroso-aqui-tao-perto-xertelo-1458784

20
Nov16

Imagens fresquinhas do outono de Vidago

1600-vidago-16 (252)

 

No último fim de semana este blog foi até Vidago ver a magia das cores de outono. Dissemos então que as imagens eram de arquivo, pois este ano ainda não tínhamos tido oportunidade de ir por lá. Mas isso foi nó último fim de semana.

 

1600-vidago-16 (293)

 

Ontem lá arranjámos um tempinho para dispensar a Vidago e poder trazer aqui o outono deste ano que, por muito igual que seja ao de todos os anos, nos surpreende sempre, pois uma coisa são as imagens que podem parecer repetirem-se e outra é viver, in loco, as sensações dos momentos, estas sim, sempre com o poder de nos rejuvenescer, nem que seja, e só, a alma.

 

1600-vidago-16 (145)

 

Momentos e sensações que as imagens, por muito atraentes ou cativantes que sejam, nunca conseguirão transmitir a sua intensidade. Há que ir lá. Uma manhã ou uma tarde chegam e nunca é tempo perdido, antes pelo contrário, vai parecer um instante.

 

1600-vidago-16 (132)

 

Claro que este Vidago que trazemos aqui é o do Parque do Palace Hotel onde não há só parque e outono mas também, perfeitamente enquadrados no parque, todo um conjunto de construções do melhor que há a nível de arquitetura do século passado onde a mestria da cantaria se destaca e o edifício do Hotel se destaca pela sua beleza e imponência.

 

 

Sobre mim

foto do autor

320-meokanal 895607.jpg

Pesquisar

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

 

 

Links

As minhas páginas e blogs

  •  
  • FOTOGRAFIA

  •  
  • Flavienses Ilustres

  •  
  • Animação Sociocultural

  •  
  • Cidade de Chaves

  •  
  • De interesse

  •  
  • GALEGOS

  •  
  • Imprensa

  •  
  • Aldeias de Barroso

  •  
  • Páginas e Blogs

    A

    B

    C

    D

    E

    F

    G

    H

    I

    J

    L

    M

    N

    O

    P

    Q

    R

    S

    T

    U

    V

    X

    Z

    capa-livro-p-blog blog-logo

    Comentários recentes

    • Fer.Ribeiro

      Pois não sei, mas posso tentar saber.

    • Anónimo

      O post está muito bom. Já agora aproveito para per...

    • TELMO A.R.RODRIGUES

      Cara amigo Luis Sancho o meu é Telmo Afonso R. Rod...

    • Anónimo

      Parabéns pelo seu trabalho, que é de louvar. Sobre...

    • Anónimo

      Gostaria imenso de obter a genealogia da família A...

    FB