Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

CHAVES

Olhares sobre a cidade de Chaves

Discursos Sobre a Cidade - "Vagalumes" - por Tupamaro

01.08.08 | Fer.Ribeiro

 

.

 

 

“””VAGALUMES”””

 

 

Texto de Tupamaro

 

 

A Cidade e a Região de CHAVES não irão longe no seu percurso histórico e civilizacional enquanto os seus administradores se preocuparem obsessivamente consigo próprios, criando e realizando comezinhos «feitos» de desenvolvimento «estratégico», cujo resultado efectivo não vai além de mais uma manifestação de culto à sua personalidade.

 

Acreditamos já estarem distantes os tempos das purgas e dos «desaparecimentos», mas eles, esses, foram ainda há dias, cá por perto, e prosseguem ali, por não tão longe.

 

Por cá, por aí, medram uns restos dessa soberba “cultoronha”.

 

A fixação pelo «cromo» é fanática e ridícula.

 

A incompetência e a insegurança no cumprimento da missão para a qual foram eleitos disfarçam-na e procuram diluí-la em cometimentos fátuos, onde facilmente estão na berlinda, e onde seus gestos, jeitos, trejeitos e maneiras “pirilampejam” quais milhares de vagalumes.

 

Os «velhos» e as crianças são fáceis de contentar …… e de enganar.

 

Os do rebanho, fáceis de arrumar   -   ou na prateleira, ou na messe.

 

A megalomania necessita de uma multidão genuflectora, particularmente quando o dirigente é um fracassado.

 

E este estafa-se em azáfamas imaginativas, mas sempre com o mesmo tal e qual remate, para não sair da vista dos seus paroquianos.

 

São missionários de si próprios.

 

E no dia em que forem depostos, já de barrigota cheia de vaidade e de proveitos, as satanizações que escutarem apenas lhes provocarão uma amarelecida gargalhada escudada pela distância.

 

O pingo de espiritualidade haviam-no deixado na corrente do Jordão!