Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

CHAVES

Olhares sobre a cidade de Chaves

Terras de Monforte e mais além

17.12.06 | Fer.Ribeiro
monforte-bl.jpg

Ontem a meio da tarde fui dar uma volta, em princípio sem destino. Mas estava frio, muito frio e cheiro-me a carambina e quando a carambina cheira, só há dois sítios possíveis para admirar a beleza da natureza – Terras de Nogueira da Montanha/Moreiras ou Águas Frias. Olhei para o meu barómetro (Brunheiro) e logo a primeira opção ficou de lado, o Brunheiro estava demasiado limpo e iluminado, optei por Águas Frias, mas chegado a Faiões, pelos ares, vi logo que não havia carambina para ver. Mas já que ali estava, continuei mais um pouco.

Nestes pequenos passeios a minha assessora fotográfica faz questão de me acompanhar.

Passamos as Assureiras, passamos Águas Frias e mesmo antes de se virar para Casas de Monforte, resolvemos regressar. Na vinda, a minha assessora fotográfica viu o Castelo de Monforte, e como ainda está em idade de acreditar no Pai Natal, também ainda acredita que nos castelos, há reis, príncipes e princesas. Claro que “bota” para o Castelo, aliás é desvio que não me importo nada de fazer e sempre que subo lá, faço-o com gosto porque sei que as vistas compensam o desvio e o tempo que lá se passa. As vistas e o próprio castelo – claro.

Pois juntando o útil ao agradável e porque hoje é dia de Chaves rural, não há melhor sítio para se tomar uma foto da nossa ruralidade, nem que seja pela extensão de território que desde lá de cima se vê. Território que ultrapassa o concelho e entra pelos concelhos vizinhos de Montalegre, Boticas, Vila Pouca de Aguiar, Valpaços e até pela Galiza adentro entra o nosso olhar.

Mas como o ângulo da fotografia está limitado, hoje deixo-vos com um pouco do que desde lá de cima se vê: 5 aldeias e 4 freguesias desde este pequeno ângulo.

Claro que em primeiro plano tinha que ficar Águas Frias, que aliás é a freguesia onde o castelo se encontra implantado. Logo a seguir, em cima à direita, pode-se ver Casas de Monforte, aldeia que pertence também à freguesia de Águas Frias. Mais um bocadinho acima e ligeiramente à esquerda está S.Cornélio, que pertence à freguesia de Travancas. Em cima à esquerda vemos a aldeia e freguesia de Mairos. Ligeiramente abaixo, numa ligeira baixa à direita está a aldeia dos Fidalgos – Paradela, que é também freguesia. As últimas montanhas, já são pertença da Galiza.

Espero não me ter enganado nas localizações.

Como mesmo sem carambina o frio era de cortar à faca e não havia meio de aparecerem os príncipes nem as princesas, quanto mais Reis, resolvemos regressar ao vale, ou seja a casa, de onde será a próxima imagem.

Então, até amanhã em Chaves.

5 comentários

Comentar post