Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

CHAVES

Olhares sobre o "Reino Maravilhoso"

16
Set09

Ousar para comungar

 

.

 

Chaves, 8 de Setembro de1990

 

Os gestos que não fazemos à espera que outros os façam por nós. E assim perdemos a vida, que é uma expressão permanente que não pode ser adiada, nem diferida. Nenhuma prova de comunhão devemos esperar receber que não formos capazes de primeiro ousar.

 

Miguel Torga, in Diário XVI

 

E ousar por conta própria numa terra pequena como Chaves, é complicado, sobretudo porque se fica exposto e à mercê de um qualquer dedo inquiridor, por isso, o ser mais fácil e cómodo fazer parte de um rebanho, seguir o pastor, comungar, dizer ámen e ajoelhar quando a procissão passa, pois haverá sempre alguém a fazer um gesto por nós que um dia poderá ser para nós, nunca se sabe… e assim se vai vivendo ao dia-a-dia, não os nossos, mas aqueles que os outros nos ditam.


.

.

 

Claro que o viver em sociedade e democracia tem de ter as suas regras, deveres e direitos, mas também liberdade, justiça, tolerância e sobretudo respeito, pois se falha um destes pilares, a essência da democracia fica em causa e a doença alastra para a sociedade.

 

Infelizmente é mais que comum falhar um destes pilares, principalmente em meios pequenos como o nosso, onde o nosso, está longe de ser excepção.

 

.

.

 

Embriagados pelo poder, político ou não, ficam tolhidos da visão e,  muitas vezes, também do puro e comum bom senso e,  à falta de formação, tolerância ou competência para, fazem do poder uma muleta ou uma pedra de arremesso e, claro, ninguém gosta de levar com uma pedrada, muito menos se gosta de ver um dos tais pilares da democracia transformado em estadulho.

 

.

.

 

Estamos carentes de novas mentalidades, mas pelos caminhos que os rebanhos seguem e com os pastores que os orientam, estamos longe de conjugar a verdadeira democracia, a verdadeira liberdade e sobretudo o verdadeiro bem estar da sociedade.

 

Entretanto, lá se vão sucedendo os dias, tentando-se formatar as cabeças à noite num sono que deveria ser repousante, para se poder suportar um novo dia em que lá se terá que ir atrás do rebanho, direitinho, pois os cães de fila estão de guarda e os lobos estão de volta para as aventuras individuais fora do rebanho e, claro, deixamos de fazer gestos à espera que outros os façam por nós. E assim perdemos a vida, que é uma expressão permanente que não pode ser adiada, nem diferida. E enquanto assim for, nenhuma prova de comunhão devemos esperar receber que não formos capazes de primeiro ousar.

 

Pelo discurso, até pode parecer que razão tinha o outro, cão de fila (pela certa) de um rebanho qualquer, em dizer que eu estou zangado com a vida, mas não, quando muito estou é revoltado com a pobreza de uns e o deixa andar de outros… e já que se falou por aqui em rebanhos, é tudo uma questão de pastagens, não é?


.

.

 

Claro que no meio disto tudo há uma cidade que dá pelo nome de Chaves que também vai servindo de pasto a muita gente, como se de uma pastagem se tratasse, de entre eles, poucos são os que se preocupam com a sua história e muito menos com o seu futuro. Sobretudo com um futuro sustentado para os que cá vamos deixando.

 

E assim se vão fazendo os dias por esta cidade que apaixonadamente se ama, mas que dói. Há que ousar para comungar, por isso ousem, ou então sigam no rebanho e não esqueçam de ajoelhar quando com o passar da procissão, e digam ámen, mas sem comungar.

3 comentários

Comentar post

Sobre mim

foto do autor

Pesquisar

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

 

 

Olhares de sempre

Links

As minhas páginas e blogs

  •  
  • Aldeias de Barroso

  •  
  • FOTOGRAFIA

  •  
  • Animação Sociocultural

  •  
  • Cidade de Chaves

  •  
  • De interesse

  •  
  • GALEGOS

  •  
  • Imprensa

  •  
  • Páginas e Blogs

    A

    B

    C

    D

    E

    F

    G

    H

    I

    J

    L

    M

    N

    O

    P

    Q

    R

    S

    T

    U

    V

    X

    Z

    capa-livro-p-blog blog-logo

    Comentários recentes

    • Anónimo

      “OUTONICE”Porra! Porra! Porra!Como se já não me ba...

    • Tudo Mesmo

      Linda mesmo.

    • Tudo Mesmo

      Tem fotografias muito boas.Com prazer mesmo.Igualm...

    • Fer.Ribeiro

      Obrigado pelo comentário e boa semana!

    • Tudo Mesmo

      Bom dia,Inspiração para um dia de trabalho, ai, ai...