Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

CHAVES

Olhares sobre o "Reino Maravilhoso"

04
Dez11

XVI Encontro de Blogues e Fotógrafos LUMBUDUS - O Rescaldo

 

O prometido é devido e cá estamos com uma breve reportagem do XVI encontro de Blogues e Fotógrafos.

 

Embora com algumas baixas produzidas pelo frio dos últimos dias, blogers, fotógrafos e amigos lá foram armados com as suas câmaras à procura dos melhores registos que a freguesia de Vilarelho da Raia tinha para oferecer e que até eram muitos, mas que por força de cumprir o programa conhecido e desconhecido, sem o perdão do tempo dos relógios, os registos ficaram pela certa aquém daquilo que os locais por onde se passou tinham para oferecer e mereciam.

 

Dentro das ruinas da casa que abrigava Demétrio e o Cap. Garcia e que após ter sido bombardeada em 1946 nunca mais foi reconstrída

 

Início com visitas breves a Vila Meã e Vilarinho da Raia para de seguida se rumar a um também breve café de manhã no bar do Centro Social, Cultural e Desportivo de Vilarelho da Raia. Tudo muito breve porque o objectivo do período da manhã era mesmo o Cambedo da Raia, onde nos aguardava um cicerone que já vai sendo habitual nas nossas visitas ao Cambedo, o Sr. Sebastião Salgado que, passo a passo, nos levou pelos passos dos acontecimentos de Dezembro de 1946 e que ficaram conhecidos como a “Batalha do Cambedo”.

 

Sebastião Salgado junto a placa que amigos galegos colocaram no Cambedo

aquando da homenagem ao povo do cambedo

 

E da Batalha do Cambedo passamos para o Cambedo povo promíscuo que o foi até 1864, altura do Tratado de Lisboa em que o Cambedo até aí dividido a meio pela linha de fronteira, passa a ser inteiramente pertença do Reino de Portugal, conjuntamente com as outras aldeias promíscuas de Lamadarcos e Soutelinho da Raia, em troca do Couto Misto que ficou a pertencer ao Reino de Espanha. Mas sobre estes assuntos nem há como consultar o blog Cambedo Maquis (http://cambedo-maquis.blogs.sapo.pt) onde se conta tudo sobre o Cambedo e o Couto misto. Um blog que tem estado parado mas que ainda não está encerrado e onde ainda há muito para contar.

 

Em cima da antiga linha da raia que dividia o Cambedo e que passava a meio da habitação que se vê de fundo.

 

Quem visita o Cambedo na companhia de Sebastião Salgado já sabe que após a travessia da antiga linha de fronteira, todos os caminhos (e é só um) vão dar a sua casa e, assim aconteceu mais uma vez, onde é obrigatório provar o protegido de Deus Baco made in Cambedo.

 

 

Do Cambedo até à fonte das águas da Facha, águas bicarbonatadas com gás carbónico com um interessante e curioso nicho que ia sendo apreciado enquanto ali ao lado, fazendo lembrar os antigos tempos de contrabando, se ouviam tiros e alguma confusão em plena antiga raia. Visita também breve pois os estômagos já pediam aconchego e antes do almoço ainda havia que ir contrabandear a Rabal e, era para lá que estava prevista a próxima paragem se na fronteira de Vilarelho, numa operação conjunta da Guarda-fiscal e dos Carabineiros não nos tivessem mandado parar. Obedecemos e paramos, com revista ao autocarro e uma detenção de um individuo, que por sinal era contrabandista e ao qual tínhamos, inocentemente, dado boleia nas águas da Facha. Esta era a tal parte do programa desconhecido que encenada por pessoal de Vilarelho da Raia surpreendeu os participantes do encontro, revivendo-se ali cenas do antigamente, com alguma confusão, uma detenção e que após a visita a Rabal,  terminaria tudo à mesa em frente a um cozido à portuguesa, onde os participantes do encontro, o contrabandista já em liberdade, Guarda-Fiscal e Carabineiros (já à civil), iam discutindo os acontecimentos enquanto o cozido ia confortando os estômagos.

 

Uma passagem por Rabal - Galiza, a povoação mais próxima de Vilarelho da Raia

 

Parte da tarde toda dedicada a Vilarelho da Raia, com uma visita à aldeia, seguida de uma visita ao Museu Etnográfico que surpreende pelo número e variedade de peças que há uns bons anos atrás faziam parte do quotidiano das casas e das famílias e que, em boa hora as gentes de Vilarelho souberam reunir em museu. Se passar por Vilarelho não deixe de visitar este museu.

 

 

Já noite, a entrega dos prémios do concurso fotográfico que aconteceu no decorrer do último encontro. Logo a seguir aconteceu o lanche, com um caldinho verde, uns pastelinhos de Chaves, linguiças e alheiras, apenas umas coisinhas para enganar os estômagos.

 

 

E por fim os agradecimentos que vão para o apoio da Câmara Municipal de Chaves pelos prémios do concurso de fotografia e por ter disponibilizado transporte para o encontro, agradecimentos para o Centro Social, Cultural e Desportivo de Vilarelho da Raia por nos ter acolhido nas suas instalações e por nos servir o almoço e lanche, agradecimentos para o Sebastião Salgado por nos receber e dar a conhecer o Cambedo da Raia e a sua história, agradeciemntos para o Carlos Silva por desde o início ter acolhido e colaborado na organização deste encontro, agradecimento para os animadores e recreadores da cena de contrabando e por último o agradecimento a todos os participantes num encontro que além de internacional com a participação dos nosso(a)s amigo(a)s galego(a)s já habituais que desta vez se fizeram acompanhar por galegos vindos da Corunha, contou ainda com a participação de um alentejano amante das coisas da raia, autor do blog http://historiasdaraia.blogspot.com e que de Elvas se deslocou propositadamente até Chaves/Vilarelho da Raia para participar neste encontro.

 

 

Tempo ainda para agradecer a contribuição dos “Prazeres da Loja” (Largo do Anjo) pelos pasteis de Chaves, e da Artefumo – Fumeiro de Chaves (Largo do Stº Amaro), pelas alheiras e linguiças.

 

 

E deste encontro de verão é tudo, mas ficou já encontro marcado para aquele que vai ser encontro de Verão, ou XVII Encontro de Blogues e Fotógrafos, que irá acontecer do outro lado da raia, na Galiza, com passagens pela nascente do Rio Tâmega e por terras de Monterrey.

3 comentários

Comentar post

Sobre mim

foto do autor

320-meokanal 895607.jpg

Pesquisar

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

 

 

Links

As minhas páginas e blogs

  •  
  • FOTOGRAFIA

  •  
  • Flavienses Ilustres

  •  
  • Animação Sociocultural

  •  
  • Cidade de Chaves

  •  
  • De interesse

  •  
  • GALEGOS

  •  
  • Imprensa

  •  
  • Aldeias de Barroso

  •  
  • Páginas e Blogs

    A

    B

    C

    D

    E

    F

    G

    H

    I

    J

    L

    M

    N

    O

    P

    Q

    R

    S

    T

    U

    V

    X

    Z

    capa-livro-p-blog blog-logo

    Comentários recentes

    • Anónimo

      Meu caro, gostei do post sobre os lápis das Casas ...

    • FJR Barreiro

      Este foi mais um assassínio feito à nossa terra. E...

    • Anónimo

      O porque e qual a razão de fazerem estas aberraçõe...

    • Anónimo

      Lindíssima esta sua foto. Espero que o texto não a...

    • FJR - Barreiro

      Tantas idas a pé eu fiz. E era tão feliz ao fazê-l...

    FB