Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

CHAVES

Olhares sobre a cidade de Chaves

Ocasionais

11.05.17 | Fer.Ribeiro | comentar
 “Os bearnesbaques do Arrabalde”  Ali no Arrabalde, um grupo de bearnesbaques que falavam entre si ao mesmo tempo que olhavam para todos os lados, como que atingido por um raio, que não parte, antes, une, quando eu, em passeio pela cidade, chegava ao fundo da rua (...)

Ocasionais

20.04.17 | Fer.Ribeiro | comentar
 “Fotos y grafias”  É verdade. Todos vós tendes razão: eu não percebo nada, mas mesmo nada, de fotografia! Mas que fico regalado com algumas (e são bastantes), muito especialmente das de uns «certos» flavienses, ai isso é que é uma grande verdade! Agora, (...)

Ocasionais

13.04.17 | Fer.Ribeiro | comentar
 “Salão de Festas”  Os cidadãos internautas, na sua maioria ou quase totalidade, vêm aqui, aos Blogues, aos Post(ai)s e às Caixas de Comentários, e a outras salas de reunião néticas, mas mesmo que «autografem» a sua presença com duas ou meia dúzia de (...)

Ocasionais

06.04.17 | Fer.Ribeiro | comentar
 “Tugaleado tugalês”  De vez em quando, pode ler-se e ouvir-se, nos “media” (leia-se média!  -  a palavra é latina, não inglesa!) como, p. ex., num Semanário de nomeada (há já algum tempo), e que, com a devida vénia e sublinhados meus, transcrevo: {“TROIKAGoverno esconde do FMI intenção de baixar IRS

Ocasionais

25.02.17 | Fer.Ribeiro | comentar
 “Precisa de ajuda?!” Antigamente havia lojas, comércios, tabernas, pensões, sapateiros, latoeiros e talhos. Com um salto pelos “Cafés” e «Bares», apareceram os “Shoppings”. Logo a seguir, os “Super” e os «mini» Mercados. Copiando os (...)

Ocasionais

28.01.17 | Fer.Ribeiro | comentar
 =Em nome d’……. - A batata, a couve, os grelos; o cabrito, o cordeiro, a vitela;a alheira, o salpicão, a linguiça;o presunto, a pá, o pernil e a orelheira;o polbo;a castanha, o merogo, o melão e a melancia; os figos, os pimentos, a sêmea;o calondro, os chícharros,a raba,o cabaçote e a azeitona;

Ocasionais - "Tenho de Ir"

18.12.16 | Fer.Ribeiro | comentar
 “TENHO DE IR!”  Ó vós, videntes, bruxos, curandeiros, astrólogos, feiticeiros, xamãs e mães-de santo! Ó vós, Senhora de toda a Saúde e de todos os Remédios, das Ajudas e da Livração, do Engaranho, do Ó e do Viso! Ó vós, Senhora das Brotas! Ó vós, (...)

Ocasionais - Abandono

10.12.16 | Fer.Ribeiro | comentar
 “Abandono” O autor do Post(al), de Domingo, 4 de Dezembro de 2016, *O Barroso aqui tão perto – Fírvidas*, escreve: “….maleitas que afetam as aldeias do interior, principalmente o  transmontano. Refiro-me, claro, ao despovoamento e envelhecimento da (...)

Ocasionais

03.12.16 | Fer.Ribeiro | comentar
  “Falsídia”  Chegou, às portas da aldeia, cheio de sede.Vinda da missa, uma beata cruzou-se com ele.Olhou-o com pena.Perguntou-lhe se precisava de alguma coisa.- Água! – respondeu o viajor.Ela mandou-o entrar em casa.Pegou numa caneca meada de água e pô-la (...)

Ocasionais

24.11.16 | Fer.Ribeiro | comentar
 “Natalices” Por aqui, neste Novembro já a meio, menos fresco que o costume, vendedores, feirantes e comerciantes, videirinhos e tratantes, simplórios, gabarolas e «ingénuos úteis», passado o «S. Martinho», e com uma castanha ainda a rilharem numa boca vazia (...)

Quente e Frio!

16.11.16 | Fer.Ribeiro | comentar
 (...)Na 6ª fª, à tarde, os pais das “Lindas” chegariam à cidade com o «carocha». XXO “TINO da TERRA QUENTE” partiu para Coimbra. Encontrou-se algumas vezes com as estudantes de “Românicas” e de “Germânicas”. Desta última vez, o «doutor», a (...)

Quente e Frio!

09.11.16 | Fer.Ribeiro | comentar
 (...)Chegadas ao fim da leitura, deram um saltito, ficaram viradas uma para a outra. Cada qual apertava contra o coração a carta carregadinha de amor e de saudades. XIX A Carmelinda ficou colocada numa Escola perto de casa. A Ermelinda, numa escola longe de casa. Qu (...)

Quente e Frio!

02.11.16 | Fer.Ribeiro | comentar
 (...)Um bando de passarada soltou-se dos plátanos do Largo da Igreja de S. Pedro, e, num chilreio troante, esvoaçou para os quintais pendurados nas margens escarpadas do Corgo!*** XVIII*****.                  O Celestino foi para Coimbra. O (...)

Quente e Frio!

26.10.16 | Fer.Ribeiro | comentar
 (...)Mas aquela “SRª DA SAÚDE” tinha-lhe deixado muita consolação e maior ilusão. XVIIChegou o tempo de a «Bila» voltar a encher-se de estudantes. Cumpriu-se o “Regadinho”. A avaliação escolar, no Liceu, era trimestral; na ESCOLA NORMAL, semestral. E (...)