Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

CHAVES

Olhares sobre o "Reino Maravilhoso"

06
Jul18

Chaves em Festa 2018

PAGINA_WEB_CHAVES_EM_FESTA_1_1280_720 (1).jpg

 

 

Quem acompanha este blog desde o início sabe que durante uns anos, sempre que acontecia ou não acontecia qualquer coisa em Chaves, principalmente em datas especiais, eu tecia por aqui a minha opinião, o meu louvor, a minha desaprovação, a minha crítica e o meu “Repórter de Serviço”. Sempre na minha opinião, apenas a minha opinião à qual penso que tenho direito. Poucos “louvores” recebi por isso, mas recebi alguns puxões de orelhas por essas ousadias, coisa que até nem me incomodava muito, pois era sinal de que a mensagem chegava ao seu destino. A partir de certa altura “deixei de ter opinião”, quer fosse positiva ou negativa, e despedi o “Reporter de Serviço”,  tudo porque a tática e o recetor de mensagens mudou, pois em vez de me dar puxões de orelhas, ignorava-me, e dava puxões de orelhas a terceiros enquanto apontava o dedo ao causador… Se os puxões de orelhas que me deram nunca me doeram, estes últimos, passaram a doer-me e bem, apenas por uma questão de justiça ou falta dela, pois não era justo que andassem praí com as orelhas vermelhas por minha causa, alguns deles colegas e amigos. Fiz um voto de silêncio, que ainda vou mantendo, apenas quebrado com algumas exceções pelo evento ser merecedor disso, principalmente se for de âmbito cultural, pois à triste cultura já lhe chega ser esquecida por quem a deveria acarinha e promover.

 

Pois hoje é uma exceção, tudo porque Chaves está em festa, e até o título do evento é feliz, pois Chaves estar em festa não é bem a mesma coisa que a festa de Chaves, mas já é alguma coisa, e no programa, até há algumas coisas interessantes que me vão tirar de casa, uma delas, hoje à noite, pois vem aí a Cuca Roseta, que embora até nem seja das minha preferências musicais, gosto dela.

 

As outras coisas que me vão tirar de casa, vão acontecer no dia 8, a primeira, se acordar, acontecerá de manhã com as cerimónias oficiais, não pela cerimónia mas mais pelo registo fotográfico, onde se captam sempre momentos interessantes. A segunda, à noite, o espetáculo da “Moura”, que prometi divulgar e que quero ver, por me cheirar a teatro de rua com mais qualquer coisa, género de espetáculo que aprecio, principalmente por ser teatro que se faz fora do palco e fora daquilo que é convencional, mais popular, como o Teatro do Oprimido de Augusto Boal ou simplesmente teatro de rua onde o teatro se mistura com outras artes e técnicas,  como a circense. Sou fã e apreciador deste tipo de trabalho, por isso vou lá estar, e espero não sair de lá desiludido. Agora fica o programa, com as cerimónias oficiais, o mais generalista, com mais festa ou cheiro a festa e no final, um resumo do tal espetáculo da “Moura” levado a efeito pelos Grandpa’s Lab.

 

PROGRAMA CHAVES EM FESTA 2018

 

06 sexta


CONCERTO CUCA ROSETA
Jardim do Museu de Arte Contemporânea Nadir Afonso, 22h30

 

06 sexta a 08 domingo


XXVII MARATONA FUTSAL CIDADE DE CHAVES
Pavilhão Municipal Chaves, 21h00

 

 

07 sábado


CONCERTO PELAS BANDAS MUSICAIS “Os Pardais” e Vila Verde da Raia
Largo General Silveira, 21h00

 

07 sábado


CONCERTO FERNANDO DANIEL
Jardim do Museu de Arte Contemporânea Nadir Afonso, 23h00

 

08 domingo


DIA DA CIDADE E DO MUNICÍPIO


09h30 CERIMÓNIA DO HASTEAR DA BANDEIRA NACIONAL, na Praça de Camões, Guarda de Honra pelas três corporações de Bombeiros do Concelho e interpretação do “Hino Nacional” e “Marcha de Chaves” pela Banda Municipal Flaviense “Os Pardais”;


10h00 CERIMÓNIA DE CONDECORAÇÕES MUNICIPAIS, junto ao Jardim da Torre de Menagem; Atuação do Coro Infanto-Juvenil do Agrupamento de Escolas Dr. Júlio Martins; Quartetos da Academia de Artes de Chaves.


20h30 CONCERTO DAS BANDAS MUSICAIS DE LOIVOS E TORRE DE ERVEDEDO, na Alameda de Trajano;


21h30 Parada “ A MOURA”, no Centro Histórico da cidade;


23h00 “MOURA” - Espetáculo Multimédia, na Ponte Romana;


23h45 ESPETÁCULO PIROMUSICAL.

 

 

08 domingo


ESPETÁCULO MULTIMÉDIA, MOURA NA PONTE ROMANA
Concentração no Castelo/ Largo do Município, 21h00

 

Se é dos que vai a tudo e quer ver o programa completo, sem cortes,  está aqui

 

MOURA CARTAZ HORIZONTAL 16_9.jpg

 

Encenação do resgate da Moura cruza teatro de rua com video mapping e pirotecnia sincronizada

 

 

Ponte Romana de Chaves é palco de um espetáculo de multimédia

 

 

A Ponte Romana e o Rio Tâmega vão ser palco principal do espetáculo multimédia, produzido pela Grandpa’s Lab, no próximo dia 8 de Julho. A iniciativa tem como objetivo valorizar e enaltecer o património edificado, geográfico e cultural da cidade de Chaves. Envolver a comunidade local é a atividade-chave para, a curto e longo prazo, criar-se uma tradição local que se perpetue anualmente.

 

Ao teatro de rua, a Grandpa’s Lab procura adicionar os fascínios do “novo-circo” e construir um caminho criativo que vai guiar o espetáculo do início ao fim. A inovação é conseguida através da fusão das duas artes com as técnicas de multimédia e de tecnologia, como o video mapping.  Esta é uma das áreas de desenvolvimento em que o espetáculo recai, com destaque, ainda, para a pirotecnia sincronizada, cenografia aquática, encenação acrobática, light design e música original ao vivo com uma orquestra.

 

O enredo do espetáculo consiste numa expedição comandada por um capitão invulgar que procura vestígios e provas concretas de forma a apurar se a lenda da moura é verdadeira ou não. Chegados à ponte de Chaves, montam a estação de observação e reconhecimento de fenómenos não identificados. O percurso até à ponte estará repleto de magia, ilusão e comicidade.

 

A estação flutuante, para além de ser a casa da tripulação de investigadores, vai estar equipada com luzes de patrulha, lasers que fazem o scan da área, um balão que regista alterações de fenómenos climatéricos e diversos gadgets de reconhecimento de movimentos. Os conteúdos apresentados através das várias representações audiovisuais vão beber à lenda, aos saberes locais e à arquitetura e cenário envolvente.

 

Pelas 21h30 tem início um momento introdutório com uma parada à procura da Moura encantada. O trajeto começa na Praça de Camões, em frente à Câmara Municipal, e dirige-se até à margem do rio, passando por ruas emblemáticas do centro histórico de Chaves. Depois, pelas 23 horas, dá-se início ao Espetáculo Multimédia que conta com a organização da Junta de Freguesia Santa Maria Maior e a Câmara Municipal de Chaves e o apoio da Academia de Artes de Chaves e a Indieror.

 

Na noite de 8 de Julho, começam a surgir os primeiros registos e os habitantes de Chaves vão ser surpreendidos pela combinação surreal entre o universo das lendas e do teatro tradicional com o avanço e o sensacional da tecnologia e artes digitais.

 

Biografia | Grandpa’s Lab

A Grandpa’s Lab é um estúdio visual do Porto, constituído por uma equipa de investigadores dos mais variados campos artísticos – desde de belas artes à multimédia - que criam, em simultâneo, ambientes virtuais e tridimensionais. A equipa utiliza conta com mais de 10 anos de experiência nas áreas do Video Digital, New Media e Cenografia / Desenho de Espetáculo.  

 

O pano de fundo do seu trabalho é a convergência entre a arte, a tecnologia e o design. O processo varia desde a formação e o pensar num conceito até ao produto final, a sua instalação e apresentação. O trabalho do laboratório pode partir de instalações e performances interativas e terminar no design de palcos e espaços para certos projetos em eventos e festivais. Em termos práticos, o estúdio dedica-se à criação de Performances de Video Mapping Imersivo, Ambientes e Instalações Audiovisuais, e Stage Design Profissional.

 

Desde a sua fundação, a Grandpa’s Lab já trabalhou nos mais variados contextos, como o espetáculo de Video Mapping, no Palácio Nicolau, sobre os efeitos do aquecimento global; ou no Terreiro do Paço, sobre o passado e futuro dos costumes de Lisboa; “AV Show” no BNP Paribas Winter Wonderland, com um visor curvo de 170 metros; construção de uma parede de cartão que dividia a pista de dança e o espaço da conferência, no TFF Summit 2015 cujo tema consistia numa viagem ao espaço; entre muitos outros.  

 

Sobre mim

foto do autor

Pesquisar

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

 

 

Olhares de sempre

Links

As minhas páginas e blogs

  •  
  • Aldeias de Barroso

  •  
  • FOTOGRAFIA

  •  
  • Animação Sociocultural

  •  
  • Cidade de Chaves

  •  
  • De interesse

  •  
  • GALEGOS

  •  
  • Imprensa

  •  
  • Páginas e Blogs

    A

    B

    C

    D

    E

    F

    G

    H

    I

    J

    L

    M

    N

    O

    P

    Q

    R

    S

    T

    U

    V

    X

    Z

    capa-livro-p-blog blog-logo

    Comentários recentes

    • JM Naturopatia

      Fantástico trabalho de recolha e divulgação de um ...

    • Anónimo

      gostaria muito de um dia poder conhecer. meu pai v...

    • Anónimo

      Não me admiraria se esta fotografia fosse «roubada...

    • Anónimo

      Sou alfacinha de gema, mas gosto de vos ler; olham...

    • Joaquim Ferreira

      Tantos anos passados, tantos sonhos por realizar.Q...