Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

CHAVES

Olhares sobre o "Reino Maravilhoso"

10
Jul19

Cidade de Chaves, cada vez mais interessante...

1600-(50624)

Travessa das Caldas, há dois dias

Temos vindo a constatar e vamos dando aqui conta disso, que a cidade de Chaves (centro histórico) nos últimos anos está a ficar com nova cara, muito mais atraente e interessante, tudo graças às reconstruções do velho casario mais deteriorado. Com as reconstruções têm aparecido também novas lojas comerciais,  que não podendo concorrer com as grandes superfícies comerciais, que também abundam em Chaves, opta, pelo comércio de especialidade e de marca, e em boa hora tudo isto está a acontecer, transformando uma cidade que estava a ficar moribunda numa nova cidade (centro histórico) com vida. Penso que todos queremos que tal aconteça.

 

1600-(47381)

Travessa das Caldas, em 2017

Pois neste último feriado municipal dei uma pequena volta pelo nosso centro histórico e sou surpreendido com aquele velho prédio, que há mais de 20 ou 30 anos estava a pedir obras, na fase final da sua reconstrução.

 

1600-8220

Um comércio castiço, em 2007

Ao longo dos tempos fui monitorizando esta construção, aliás até lhe dediquei um post, penso que em 2007 não ao prédio em si mas ao velho comércio (centenário) que lá existia e que era conhecido de todos os flavienses, um comércio castiço com muitas estórias para contar e que ao longo dos tempos foi resistindo contra todas as investidas da modernidade. Infelizmente esse comércio, com os seus velhos armários cheios de tudo que precisávamos para o calçado, perdeu-se, esperemos que em sua substituição apareça outro com a importância que aquele teve.

 

1600-11442.jpg

em 2008

1600-1807

Travessa das caldas em 2005

Iremos continuar atentos ao que se vai passando de bom nesta cidade, aliás estas atuações de reconstruções até deveriam ser premiadas para ver se incentivavam outras também bem carentes de obras. Um prémio anual para a melhor recuperação efetuada no nosso centro histórico, prémio que fosse significativo em termos de prestígio e, claro, monetário, com isenção de IMI durante uma porrada de anos, por exemplo, e um prémio monetário também para o gabinete ou arquiteto que projetaram a reconstrução, e empreiteiro da obras, com regras bem claras que primassem pela qualidade da reconstrução, de modo a que todos os intervenientes na reconstrução fossem premiados pelo seu empenho. é apenas uma ideia que penso que nem é original, mas já que se copia tanta porcaria, porque não copiar uma coisa interessante para o bem de Chaves.  

 

 

Sobre mim

foto do autor

Pesquisar

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

 

 

15-anos

Links

As minhas páginas e blogs

  •  
  • FOTOGRAFIA

  •  
  • Animação Sociocultural

  •  
  • Cidade de Chaves

  •  
  • De interesse

  •  
  • GALEGOS

  •  
  • Imprensa

  •  
  • Aldeias de Barroso

  •  
  • Páginas e Blogs

    A

    B

    C

    D

    E

    F

    G

    H

    I

    J

    L

    M

    N

    O

    P

    Q

    R

    S

    T

    U

    V

    X

    Z

    capa-livro-p-blog blog-logo

    Comentários recentes

    • Anónimo

      E com muita emoção que vejo, revejo e volto a ver ...

    • Anónimo

      Li, pela primeira vez, este magnífico texto do Dr....

    • Anónimo

      Ola sou Judeu e vivi em Chaves muito tempoFrequen...

    • Anónimo

      Olá Luís, gostei do que escreveste , em 2050 esper...

    • Anónimo

      Foi por volta de 1977/78,que o moleiro do moinho q...