Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

CHAVES

Olhares sobre o "Reino Maravilhoso"

30
Jul18

De regresso à cidade com uma proposta para amanhã

1600-tamega (353).jpg

 

De regresso à cidade com uma proposta para amanhã, dia 31 de julho. Não é minha, mas partilho-a para quem estiver interessado.

 

Dia 31 de julho, às 8H00

 

Descobrir as aves das lagoas do Tâmega

 

Centro Ciência Viva de Bragança em parceria com Biomater

 

A participação é gratuita, mas de inscrição obrigatória

(inscrições - ver informação no final do post)

 

1600-tamega (208).jpg

 

Descrição: O rio Tâmega, nas imediações de Chaves, esconde verdadeiros tesouros naturais. Um vale aplanado, no fundo da região montanhosa envolvente, permite a manutenção de várias lagoas, que pela sua peculiaridade albergam várias espécies de aves praticamente inexistentes na restante região transmontana e que tentaremos observar durante esta atividade.

 

Ponto de encontro: Estacionamento na Alameda Galinheira, na margem esquerda do rio Tâmega, a cerca de 70 metros a jusante da ponte da Avenida Mário Soares (ver mapa e ponto GPS disponibilizados).

 

Como Chegar: Deslocação até Chaves. Em Chaves, ir até à Alameda Galinheira, que se situa na margem esquerda do rio Tâmega. Estacionar na extremidade norte desta avenida, a cerca de 70 metros a jusante da ponte sobre o rio Tâmega.

 

Coordenadas GPS: 41.740673976522864 N, -7.463879585266113 O

 

Idade mínima: 10 anos

 

Localidade: Chaves / CHAVES / VILA REAL

 

Duração: 6.00 h

 

Transporte durante a acção: A pé

 

Equipa: Sérgio Bruno Ribeiro

 

Nota: Levar protetor solar, roupa e calçado adequados a caminhadas.
Levar comida e bebida para abastecimento durante o percurso e para pic-nic final.
Se possível, levar binóculos e guias de aves.

 

1600-tamega (196).jpg

 

Esta atividade insere-se no programa Ciência Viva no Verão, podendo ser consultada informação acerca da mesma e formalizada a inscrição através do seguinte link: 

 

http://www.cienciaviva.pt/veraocv/comum/2018/actividadeshoje.asp?accao=showaccao&id_accao=7120,

 

ou através da página da Ciência Viva no Verão: 

 

http://www.cienciaviva.pt/veraocv/2018/,

 

devendo-se pesquisar a atividade em questão através do mapa ou do motor de busca disponibilizados.

 

 

 

 

12
Out11

Está na moda...

 

Em Chaves há uma moda que tem vindo a ganhar terreno -  é a moda de alterar ou abandonar (e esquecer) os fins e usos para as quais as coisas são previstas ou projectadas. As causas e razões, às vezes são óbvias, outras vezes nem por isso, e neste nem por isso cabe desde a ausência de ideias (de e para…) até às pressões de minorias perfeitamente identificadas e às vezes até a teimosia, entre outras.

 

A mais recente é o espaço para os divertimentos da Feira dos Santos, que por sinal até parece simpático e (penso que pela primeira vez) atravessa o rio para se “plantar” na Madalena, mas fica agora abandonado o espaço que foi construído com condições e previsto para este tipo de eventos, que aliás já foi abandonado pela feira semanal, é a moda. Já agora que os divertimentos vão para a Madalena, também podiam dispensar para lá umas barracas nos dias da Feira dos Santos, também era simpático e sempre se seguia a tradição de a Feira dos Santos não ter poiso certo.

 

Mas este é apenas um exemplo, pois outros abundam por aí, como o auditório ao ar livre do Forte de S.Neutel (sem espectáculos), a proliferação de mini-auditórios raramente usados enquanto continuamos sem cinema, a Plataforma Logística (que nunca abriu), o MARC que nunca funcionou como tal, o Espaço Polis (que logo ganhou rampas para as bicicletas e um campo de futebol de praia para utilizar uma vez por ano), as Freiras que perderam o jardim para passar a ser não sei bem o quê, e que agora começou a ganhar construções-esplanadas. Não é pelas esplanadas me incomodarem, aliás na situação actual das Freiras até gostava de as ver cobertas de esplanadas, pelo menos sempre ganhavam vida e tornavam o espaço menos inóspito, mas lá se foi o espaço “idealizado” não sei bem para quê…

 


02
Jul11

Aldeias e Programas

Muita da nossa vida é feita de esperas. Disto ou daquilo, de alguém, às vezes até de coisa nenhuma, mas espera-se como quem tem esperança. Esperava eu ontem ter algum tempo para vir aqui trazer um pouca da agenda de Chaves para este fim-de-semana, mas as lides da casa, da família e de outros afazeres entretiveram-me no tempo e não pude cumprir aquilo que esperava cumprir.

 

Faiões

 

Mas mais vale tarde que nunca, diz a sabedoria do povo, e o povo tem sempre razão, sempre-sempre, mesmo que as vezes lha tirem ou não lha dêem, nem por isso deixa de ter razão. Mas ia eu dizendo que deveria ter vindo aqui antes com a agenda de Chaves para este fim-de-semana, que já começou ontem em acontecimentos de interesse, sim de interesse, porque às vezes também acontecem coisas interessantes em Chaves.

 

 Sanfins da Castanheira

 

Assim, entre a espera das crónicas que hão-de ser publicadas hoje e duas fotos das nossas aldeias, porque hoje aqui (no blog) também acontecem aldeias, fica o programa para hoje e amanhã, pois o de sexta-feira já aconteceu. É um programa de música que promete ser da boa, pelo menos é interessante e diferente. Trata-se o “Festival de Música Tradicional Folk”, com 4 grupos para a noite de hoje com o concerto a iniciar-se  às 21H30 no Jardim Público, fazendo lembrar as antigas noites quentes de Verão onde as verbenas aconteciam sempre no jardim aos sábados à noite e que tão boas recordações deixaram.

 

 

À noite há concerto, mas as actividades deste festival começam logo pela manhã e prolongam-se até domingo à noite, conforme o programa que fica em imagem.

 

Ainda para este fim-de-semana temos a feira das velharias, como habitualmente no Jardim do Bacalhau, um ponto de encontro para coleccionadores, curiosos e apreciadores de velharias onde também há sempre coisas interessantes para ver, comprar ou até vender.

 

Parece bem mais interessante este programa de fim-de-semana que o programa que nos espera para as “festas” da cidade do próxima dia 8 de Julho.

20
Abr10

Feira da Animação de 20 a 24 de Abril

 

.

 

A nuvem do vulcão também tem as suas influências por cá, tanto que ia faltando à promessa de divulgar um evento que tem início hoje e termina no próximo dia 24.

 

Trata-se da Feira da Animação, numa organização conjunta de Applausus – Teatro Universitário de Chaves e Ousadias – Associação para a Promoção e Divulgação Recreativa e Cultural, com o apoio de muita “gente”.

 

Uma boa prova de como juventude e Universidade podem fazer a diferença nesta cidade onde até nem se nota a ausência dos "rapazes da Venda Nova", cabeçudos e concertinas, onde (se calha) até era um evento onde encaixavam.

 

Fica o “logo” da feira, e o cartaz do programa, que talvez não legível como deve, reproduzo em texto e boa sorte para o evento.

 

.

.

 

 

 

Programa

 

Dia 20 - Terça-feira - Abertura da feira

 

 

 

09.30 - Abertura com um hospital dos bonecos e exposição de teatro, fotografias, pintura e manualidades;

 

- Feira de livros: novos e usados;

 

- Feira de artesanato;

 

- Mostra de jogos tradicionais;

 

- Workshop de material hospitalar reciclado.

 

 

 

10:00 - Oficina da memória.

 

11:00 - Colóquio: Alimentação Infantil no Auditório Municipal.

 

 

 

14:30 - Applausus: Sarapito, o rato.

 

15:30 - Workshop de material lúdico;

 

16:00 - Massagens na escola e contadores de histórias.

 

16:30 - Jogos tradicionais.

 

17:30 - Conferência: Animação em contexto hospitalar no Auditório Municipal.

 

21:00 Colóquio: Saúde oral infantil no Auditório Municicpal.

 

 

 

----

 

 

 

Dia 21 - Quarta-feira

 

 

 

09:30 - Workshop de culinária infantil.

 

10:00 - Workshop de realização de postais.

 

10:30 - Ateliê de contadores de histórias no Auditório Municicpal.

 

14:30 - Applausus: Sarapito, o rato.

 

15:30 - Workshop de ciência;

 

- Contadores de histórias;

 

- Sarau de danças latinas;

 

- Workshop de material reciclado.

 

16:00 - Workshop de máscaras.

 

16:30 - Encontro intergeracional.

 

17:00 - Workshop de decoupage.

 

18:00 - Yoga do riso.

 

21:30 - Canto Alegre.

 

22:00 - Tuna Académica da Universidade Sénior.

 

 

 

-----

 

 

 

Dia 22 - Quinta-feira

 

 

 

9:30 - Workshop musical;

 

- Workshop: Criar com botões.

 

10:30 - Applausus: Sarapito, o rato, no Auditório Municipal.

 

14:30 - Applausus: Sarapito, o rato, no Auditório Municipal.

 

16:00 - Oficina de mímica;

 

- Contadores de histórias;

 

- Arte e rabiscos;

 

- Workshop de chá.

 

17:00 - Workshop de malabarismo e artes circenses;

 

- Workshop de dança do ventre.

 

17:30 - Secsão de risoterapia.

 

19:00 - Aeróbica.

 

21:00 - Capoeira.

 

22:00 - Applausus: Sarapito, o rato.

 

 

 

----

 

 

 

Dia 23 - Sexta-feira

 

 

 

9:30 - Contadores de histórias

 

- Workshop de beleza.

 

10:00 - Cantinho da brincadeira.

 

10:30 - Applausus: Sarapito, o rato, no Auditório Municipal.

 

14:30 - Applausus: Sarapito, o rato, no Auditório Municipal.

 

15:30 - Workshop de magia;

 

- Workshop gastronómico.

 

16:00 - Oficina de Teatro.

 

16:30 - Workshop de confecção de velas e sabonetes.

 

17:00 - Workshop de confecção de sabão.

 

17:30 - Dança teatral.

 

21:30 - Sarau de poesia.

 

22:00 - Tuna Académica da UTAD, no Auditório Municipal.

 

 

 

-----

 

 

 

Dia 24 - Sábado - Último dia da Feira

 

 

 

9:30 - Curso de primeiros socorros, no Auditório Municipal.

 

 

 

15:00 - Kria e brinca party;

 

- Abertura das tasquinhas;

 

- Ateliês de pintura e modelagem;

 

- Workshop de decoupage.

 

16:00 - Grupo de cavaquinhos do Centro do Vale do Sousa.

 

- Workshop de malabarismo e face painting.

 

16:30 - Tango argentino, tributo a Michael Jackson e Jai Ho.

 

17:00 - Música com o Grupo Recreativo e Cultural da Cela.

 

- Workshop de realização de espelhos de fruta;

 

- Workshop de comida africana, brasileira e ucraniana.

 

18:00 - Salsa, hip-hop e merengue.

 

19:00 - Acústico Som.

 

- Workshop de arranjos florais japoneses.

 

20:00 - Desfile de trapos de gala com ritmo e rima.

 

21:00 - Dança do ventre.

 

21:30 - Tucha - Tuna da UTAD - Pólo de Chaves.

 

22:00 - Queimada galega e espectáculo de fogo.

 

 

 

- Encerramento da Feira de Animação -


 

 

Nota do Blog: O presente texto não foi sujeito a revisão do novo acordo ortográfico.

 

 

.

Sobre mim

foto do autor

Pesquisar

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

 

 

Olhares de sempre

Links

As minhas páginas e blogs

  •  
  • FOTOGRAFIA

  •  
  • Animação Sociocultural

  •  
  • Cidade de Chaves

  •  
  • De interesse

  •  
  • GALEGOS

  •  
  • Imprensa

  •  
  • Aldeias de Barroso

  •  
  • Páginas e Blogs

    A

    B

    C

    D

    E

    F

    G

    H

    I

    J

    L

    M

    N

    O

    P

    Q

    R

    S

    T

    U

    V

    X

    Z

    capa-livro-p-blog blog-logo

    Comentários recentes

    • Anónimo

      Sim este é o S. Lourenço de Chaves"Eu sei que há m...

    • José Pombal

      Com o devido respeito, o nome destas localidades, ...

    • Anónimo

      Caro Fernando Ribeiro. Agradeço as suas diligência...

    • Anónimo

      (Esta (só?!...) placa não merece «Re-qua-li-fi-ca-...

    • Fer.Ribeiro

      Não sei mas vou tentar saber. Abraço.