Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

CHAVES

Olhares sobre a cidade de Chaves

Cidade de Chaves e um biquinho de montanha

25.01.18 | Fer.Ribeiro | comentar
 Todos os dias vejo esta imagem, ou quase sempre, pois há dias em que as neblinas não deixam ver o que está em segundo plano, muito menos o que vai para além disso, e, claro, que em dias de nevoeiro nada disto se consegue ver. Mas, em geral, consegue-se ver tudo isto, (...)

Barroso e Larouco

04.06.17 | Fer.Ribeiro | comentar
Hoje ainda vamos ter por aqui a habitual rubrica dos domingos de “O Barroso aqui tão perto” com mais uma aldeia do Barroso de Montalegre.  As imagens já foram selecionadas, mas ainda falta o texto, assim, só lá para o final da noite é que aqui estará, mas não (...)

O Barroso aqui tão perto... Com neve

27.11.16 | Fer.Ribeiro | comentar
Serra do Larouco com a aldeia de Gralhas nas suas faldas Hoje temos neve fresquinha, de ontem, que daqui tão perto só poderia ser do Barroso. Não tanta como há dois dias (sexta-feira), pois a chuva apagou-a das cotas mais baixas, mas não com força suficiente para a (...)

Discursos (emigrantes) sobre a cidade

01.10.15 | Fer.Ribeiro | comentar
 Crónica do reencontro A nossa terra é sempre um ponto de encontro para partilhar momentos felizes ou tristes. É aqui que os grandes momentos, os acontecimentos que nos marcam verdadeiramente nesta vida vão sempre dar. As raízes! Sempre voltamos a elas. E é tão (...)

Por terras de Soutelinho da Raia e Barroso

02.08.15 | Fer.Ribeiro | comentar
Imagem de arquivo (2011)Tal como deixei aqui documentado no blog, na sexta-feira passada fui dar uma volta pela volta a Portugal em bicicleta que andava aqui por estas bandas, com meta final na Serra do Larouco. Pois sempre que vou até terras do Barroso via Soutelinho da (...)

Chá de Urze com Flores de Torga - 67

11.02.15 | Fer.Ribeiro | comentar
 Chaves, 12 de Setembro de 1982 A tarde inteira a percorrer dentro de Espanha a fronteira com Portugal, desde Verin ao Lindoso, a confirmar a minha velha certeza de que os vizinhos só nos deram tréguas quando nos viram encostados à parede. Até onde havia terra (...)